Ronaldo vira dono de time de futebol nos Estados Unidos

Expansão do futebol no país fez Fenômeno se tornar um dos proprietários do Fort Lauderdale Strikers, da Flórida

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Com 15 gols, Ronaldo é o maior artilheiro de todas as edições do Mundial
Thiago Nogueira
Com 15 gols, Ronaldo é o maior artilheiro de todas as edições do Mundial

O ex-atacante Ronaldo resolveu deixar o pôquer um pouco de lado. De olho na expansão do futebol nos Estados Unidos, o Fenômeno se tornou um dos proprietários do Fort Lauderdale Strikers, na Flórida. O anúncio oficial foi feito nesta quinta-feira (11), quando o ex-jogador de Real Madrid, Milan, Barcelona e Corinthians, entre outros, assinou contrato para se associar a um trio de empresários brasileiros: Paulo Cesso, Rafael Bertani e Ricardo Geromel -irmão de Pedro Geromel, zagueiro que atuou pelo Grêmio no último Brasileiro. Os valores do negócio não foram revelados. Mesmo fora de campo, Ronaldo garante que está comprometido com o time. "Eu vou estar muito envolvido com a gestão da equipe e em transformar os Strikers em uma potência global. Não há dúvidas de que o esporte está crescendo exponencialmente nos Estados Unidos", comentou Ronaldo. Coincidentemente, o time é do mesmo Estado que o Orlando City, do meia-atacante Kaká. Mas enquanto o Orlando vai disputar a MSL (Major League Soccer), a principal liga do país, os Stikers estão na NASL (North American Soccer League), "liga que irá desempenhar um papel fundamental na ascensão do futebol profissional aqui", comentou o maior artilheiro do Brasil nas Copas. De fato, parece que o futebol é a nova menina dos olhos no país da NBA e da NFL. Perto do fim da carreira, mas ainda com prestígio, o espanhol Raúl, que jogou com Ronaldo no Real, também assinou nesta semana para jogar na NASL, com o New York Cosmos, time que Pelé tornou conhecido nos anos 1970. "Não consigo imaginar ninguem melhor do que Ronaldo para nos fazer atingir todos os nossos objetivos. O futebol veio para ficar nos EUA e ter o Fenômeno envolvido conosco já esta trazendo frutos. É dificil mensurar a importância dele", afirmou Geromel. "O futebol nos Estados Unidos, a maior economia do mundo, vai ser dividido em antes e depois de Ronaldo." "Eu não poderia estar mais feliz, tanto por ser parte dessa equipe como por estar na NASL. Estou confiante de que minha experiência, visão e trabalho serão importantes para ajudar o time, a liga e o próprio futebol no país. Há muitos fãs de futebol na Flórida, o que torna o lugar ideal para os Strikers", completou Ronaldo.

Leia tudo sobre: RonaldodonotimeEUAFort Lauderdale StrikersFloridaFenomeno