LNB e NBA firmam acordo que visa a popularização do basquete nacional

Liga Nacional de Basquete espera atrair novos fãs, graças às ações promovidas pela maior organização do esporte jogado com as mãos

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Acordo entre LNB e NBA foi anunciado nesta quinta e contou com representantes das duas entidades
LNB/DIVULGAÇÃO
Acordo entre LNB e NBA foi anunciado nesta quinta e contou com representantes das duas entidades

A relação do basquete norte-americano com o brasileiro começou há muitos anos. E a cada temporada que passa, os laços entre as duas culturas do esporte jogado com as mãos vai se estreitando. Nesta quinta, um passo gigantesco foi dado neste sentido. Uma parceria firmada entre a Liga Nacional de Basquete (LNB) e a NBA (National Basketball Association) visa um desenvolvimento da modalidade no Brasil.

O acordo foi anunciado em um evento no Clube Pinheiros, em São Paulo. Executivos da LNB e a NBA estiveram presentes para comunicarem a aliança que se criou.

O intuito é popularizar o esporte no país onde o futebol predomina. O basquete, que um dia já foi o segundo esporte na preferência do povo brasileiro, perdeu espaço para o vôlei neste sentido. Mas, com o novo acordo, a expectativa é que a modalidade volte a ter força no cenário esportivo tupiniquim.

Para que isso aconteça, haverá um planejamento estratégico de marketing. A parceria irá expandir e abranger outras áreas, incluindo operações de basquete e desenvolvimento de atletas.

“Após construirmos a LNB gradativamente nos últimos seis anos contando com o apoio incondicional dos nossos importantes apoiadores, Ministério do Esporte, Rede Globo e CBB, chegou a hora de darmos um passo bastante significativo para o avanço da nossa liga”, declarou o presidente da LNB, Cássio Roque.

“O basquete é um dos esportes mais populares e que mais vem crescendo no Brasil. A NBA está muito feliz com essa parceria com a LNB, isso nos permite sonhar com voos mais altos para o esporte no país. Vamos estar perto dos apaixonados pelo basquete, conquistar novos fãs e ajudar não só no crescimento, mas também no desenvolvimento da modalidade”, disse o diretor-executivo da NBA no Brasil, Arnon De Mello.

Não é apenas a LNB que está feliz com o acordo. “Esperamos ajudar no desenvolvimento em diversas áreas, como marketing, entretenimento e administração e acreditamos que juntos podemos atrair mais interesse ao basquete brasileiro. Enfim, esperamos que o NBB possa se tornar um dos maiores campeonatos de basquete do mundo e estamos muito animados”, destacou o norte-americano Jason Carrily, um dos executivos da NBA.

Nos últimos anos, a principal liga de basquete nacional fez várias ações, claramente influenciadas pela cultura da NBA, como os desafios de habilidade, os torneios de três pontos e o campeonato de enterradas. Na atual edição do Novo Basquete Brasil, por exemplo, a final será disputada no formato 'melhor de três'. 

Leia tudo sobre: NBALNB