Expositores pedem volta da Feira das Flores para o Santa Efigênia

Os feirantes também questionaram o impedimento de sua permanência no local de origem, uma vez que a avenida não foi isolada e as pessoas continuam transitando ali

iG Minas Gerais | Da redação |

VERA GONÇALVES/ O TEMPO
undefined

Os expositores da feira de Artesanato Espaço da Cidadania, conhecida como Feira das Flores, querem voltar a expor na avenida Bernardo Monteiro, no Santa Efigênia, na região Leste de Belo Horizonte.

Desde março de 2013, a feira tem funcionado em caráter provisório na avenida Carandaí, no bairro Funcionários, na região Centro-Sul de Belo Horizonte, por causa da queda de galhos das árvores Fícus, após infestação da mosca branca.

Os feirantes alegam que houve queda nas vendas com a mudança de endereço. Em audiência pública realizada na Câmara Municipal de Belo Horizonte na última terça (9), os expositores pediram o retorno da feira para a avenida Bernardo Monteiro ou, pelo menos, para algum lugar mais próximo, para que eles possam recuperar sua clientela.

Na reunião, os feirantes também questionaram a razão do impedimento de sua permanência no local de origem, uma vez que a avenida não foi isolada e as pessoas continuam transitando ali.

A Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, propôs a criação de um grupo para discutir a questão, formado por representantes do Movimento Fica Fícus, feirantes, empresários instalados no entorno, Ministério Público e Câmara Municipal. O grupo vai discutir as diretrizes de um projeto de revitalização da área

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave