Quatro partidos vão ao Conselho de Ética

Na entrada de uma etapa do 5º Congresso Nacional do PT, Rui Falcão afirmou ainda que a ação contra Bolsonaro foi tratada nesta quarta com a presidente Dilma Rousseff

iG Minas Gerais |

Brasília. O presidente nacional do PT, deputado estadual Rui Falcão (SP), afirmou na tarde desta quarta que foi aberta uma ação conjunta contra o deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) no Conselho de Ética da Câmara por quebra de decoro parlamentar devido ao ataque dele contra a deputada e ex-ministra dos Direitos Humanos Maria do Rosário (PT-RS).

Subscreveram o requerimento o PT, o PSOL, o PCdoB e o PSB. De acordo com Falcão, uma ação judicial será avaliada, mas o diagnóstico é que traria resultado demorado, já que o deputado conta com a prerrogativa de imunidade parlamentar. “Primeiro, a gente quer atacar o principal ponto, que é a quebra de decoro”, disse.

Na entrada de uma etapa do 5º Congresso Nacional do PT, Rui Falcão afirmou ainda que a ação contra Bolsonaro foi tratada nesta quarta com a presidente Dilma Rousseff.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave