Jovem é preso suspeito de atirar na namorada após discussão no Glória

De acordo com a delegada responsável pelo caso, foi o próprio suspeito quem levou a vítima ao hospital, alegando que ela havia sido assaltada

iG Minas Gerais | Bruna Carmona |

Está preso no Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp) Gameleira o homem suspeito de atirar na namorada de 18 anos durante uma discussão, no bairro Glória, na região Noroeste de Belo Horizonte. O tiro atingiu a medula da jovem, que está internada no Hospital João XXIII e corre o risco de ficar paraplégica. A arma do crime não foi localizada.

De acordo com a delegada Ana Patrícia França, da Delegacia Especializada de Plantão de Atendimento a Mulher, foi o próprio suspeito quem levou a vítima ao hospital, sustentando a versão de que ela havia sido assaltada. No entanto, uma vizinha do casal contou para mãe da jovem que ouviu o barulho do disparo logo após uma discussão entre os dois. Já no hospital, a vítima confirmou para a mãe e para um policial militar, com um aceno de cabeça, que o namorado havia feito o disparo.

Por este motivo, segundo a delegada, o suspeito, de 24 anos, foi autuado em flagrante por tentativa de homicídio. De acordo com Ana Patrícia, ele negou os ter atirado e afirmou que a namorada havia saído para ir a aula pela manhã e voltado pouco depois, já baleada, por ter sido vítima de um assalto. Um inquérito foi aberto para apurar o caso e o suspeito está no Ceresp Gameleira.

Segundo a delegada, o casal estava junto há dois anos e vivia na mesma casa. Uma vizinha contou à polícia que já ouviu discussões entre os dois, mas que esta foi a primeira vez em que houve violência. O jovem não tem passagens pela polícia.  

Leia tudo sobre: crimegloriabelo horizonte