River Plate e Atlético Nacional decidem a Copa Sul-Americana

Clubes buscam caneco para quebrar jejum de títulos internacionais; primeiro jogo ficou empatado por 1 a 1, na Colômbia

iG Minas Gerais | BRUNO TRINDADE |

O Nacional de Medellín abriu o placar aos 34 minutos do primeiro tempo, mas o time argentino conseguiu o empate na etapa complementar
Divulgação/ River Plate
O Nacional de Medellín abriu o placar aos 34 minutos do primeiro tempo, mas o time argentino conseguiu o empate na etapa complementar

Quebrar o jejum de uma conquista internacional e vencer a Copa Sul-Americana pela primeira vez. São com esses objetivos que River Plate-ARG e Atlético Nacional-COL, decidem, hoje, às 22h15, a final do torneio. Na primeira partida, em solo colombiano, houve empate por 1 a 1. O gol fora de casa não é critério de desempate na decisão. Por isso, vitória simples dá o título para o vencedor. Novo empate é prorrogação e, caso necessário, o jogo segue para a disputa de pênaltis.

Os argentinos contam com o apoio da torcida para uma nova conquista fora de seu país. O último título internacional do River foi há 17 anos, com a conquista da Supercopa Sul-Americana de 1997.

Já o clube da Colômbia confia no retrospecto que tem na Argentina para buscar um título internacional, o que não acontece desde 2000, quando venceu a Copa Merconorte. O Atlético Nacional não perde em solo argentino desde 1997. Foram sete jogos sem derrota. O último revés foi justamente contra o River.

Prováveis escalações:

River Plate: Barovero; Mercado, Pezzella, Funes Mori e Vangioni; Sánchez, Ponzio e Rojas; Pisculichi; Mora e Gutiérrez. Técnico: Marcelo Gallardo.

Nacional de Medellín: Armani; Nájera, Henríquez, Murillo e Bocanegra; Arias, Mejía, Díaz, Cardona; Berrío e Ángel. Técnico: Juan Carlos Osório.

Árbitro: Darío Ubriaco (Uruguai)

Estádio: Monumental de Nuñez, em Buenos Aires (Argentina).

Horário: 22h15