Neymar arrisca papel de co-piloto de bicampeão mundial de rali

Jogador do Barcelona bem que tentou ajudar o francês Sébastien Ogier pelas ruas da Catalunha, sem muito sucesso

iG Minas Gerais | DANIEL OTTONI |

Neymar não se deu muito bem como co-piloto
DEAN TREML AND ROMITA AMATO
Neymar não se deu muito bem como co-piloto

 

O craque do Barcelona Neymar deu uma fugida dos gramados, mas não deixou a velocidade de lado. Mesmo assim, a experiência que ele teve como co-piloto de um carro de rali deixou claro que seu lugar de destaque é mesmo dentro das quatro linhas.

Ao lado do bicampeão mundial da modalidade, o francês Sébastien Ogier, Neymar percorreu as ruas de Montserrat, na Catalunha.

Mesmo tendo a função de orientar o piloto, Neymar se perdeu em alguns momentos, em função da inexperiência na função.

"Esquerda, direita, não direita!, confundiu-se o brasileiro, que acabou não interferindo na postura do francês, que conhece bem o trajeto. Afinal, foi ali que Ogier venceu seus dois títulos mundiais. Eles estiveram a bordo do Polo R WRC.

No final, o que valeu foi a diversão. Neymar mostrou-se contente pela experiência, mas saiu do carro certo de que ela deve se repetir novamente somente de brincadeira. Clique aqui para ver o vídeo