Jogadora de vôlei de 14 anos desaparece em Belo Horizonte

Menina teria feito um contato com o pai e afirmou que não voltaria para casa; Polícia Civil ainda não tem nenhuma pista do paradeiro da adolescente; família faz campanha pelo Facebook para localizá-la

iG Minas Gerais | Fernanda Viegas |

Menina teria sido vista na região do Barreiro, em Belo Horizonte
Reprodução Facebook
Menina teria sido vista na região do Barreiro, em Belo Horizonte

Uma jogadora das categorias de base de vôlei, de 14 anos, está desaparecida, segundo a família, desde a última quinta-feira (4). Ela teria ido para a escola em Belo Horizonte e não voltou mais para casa.

A adolescente Natalie Maria Lemes morava com os pais e a irmã em uma rua na divisa entre a capital e Ibirité e já teria sido vista por uma conhecida na região do Barreiro, próximo ao Hospital Júlia Kubitschek, passado em uma moto com uma outra pessoa. A adolescente estaria com o cabelo pintado de vermelho.

A família diz não ter nenhuma suspeita do que possa ter acontecido com Natalie Maria. “Ela estava normal nesse dia (dia 4). Achei ela um pouco nervosa uns dois dias antes, mas não perguntei o que era”, contou o pai, o eletricista Gerônimo Cabral Garoto Lemes, 45.

A menina fez uma ligação para o celular do pai dois dias depois de ter sumido. “Ela falou que não iria voltar e desligou. Não consegui conversar com ela de tão rápido. Disse também que estava com uma amiga”, lembrou. A ligação foi feita, conforme contou o pai, de um número confidencial.

O delegado Leonardo Farias da Divisão Especializada de Referência da Pessoa Desaparecida informou, por meio da assessoria de imprensa da Polícia Civil, que o pai contou a ele que ao dar o telefonema, a filha teria dito que não voltaria para casa por questões familiares, sem detalhar qual seria o problema.

A polícia vai divulgar cartazes com a foto da adolescente e solicita que as pessoas liguem para o telefone 0800 2828 197 caso tenham alguma informação sobre o paradeiro de Natalie Maria.

Paralelamente ao trabalho da polícia, a família da adolescente faz uma campanha pelo Facebook. Fotos da menina e telefones de parentes são divulgados.

Também pela rede social, a irmã de Natalie, de 22 anos, faz um apelo para que ela volte para casa. “Natalie se vc estiver vendo isso, Volta p/ casa a mãe precisa de vc,todos precisam de vc. nos te amamos por mais que vc esteje fazendo isso conosco. Entre em contato com a gente,pelo amor de Deus. ‪#‎VoltaParaCasaNatalie‬# (sic)”.

Natalie Maria tem 1,82 metros, é magra e jogadora de vôlei do CEV Brasil.

Leia tudo sobre: jogadora de vôleidesaparecidaNatalie Maria