O Senhor nos faz dormir em segurança

iG Minas Gerais |

Segundo estatísticas, nós passamos um terço da nossa vida dormindo – considerando a expectativa de vida do brasileiro de 73 anos, o que equivale a 24 anos e três meses dormindo. Em Efésios, capítulo 5, verso 14 diz assim: “Pelo que diz: desperta, ó tu que dormes, levanta-te de entre os mortos, e Cristo te iluminará”. Nesse versículo não está falando especificamente sobre o sono físico, mas o sono espiritual. Deus criou o sono, e tudo o que Ele faz é bom, é glorioso. O sono é uma bênção que recebemos de Deus, é um tempo de descanso, de renovo do nosso corpo físico, o que nos ajuda a lidar com as pressões do dia a dia. Muitas pessoas que não desfrutam da bênção do sono, sofrendo com insônias, o que acaba interferindo da qualidade de vida delas, mas se você tem essa bênção, desfrute dela e confie em Deus para abençoá-lo com o sono. Durante o sono, o Senhor trabalha a nosso favor e mesmo quando não conseguimos dormir, Deus pode ter um propósito em manter-nos acordados. O Salmo 3, verso 5, diz assim: “Deito-me e pego no sono; acordo, porque o Senhor me sustenta”. Existe na realidade duas bênçãos sobre o sono: a de dormir e a de acordar. O Senhor nos sustenta, não apenas quando estamos acordados, mas também quando estamos dormindo. O versículo 8, do Salmo 4, diz assim: “Em paz me deito e logo pego no sono, porque, Senhor, só tu me fazes repousar seguro”. Devemos sempre orar a Deus, pois por meio da oração pode-se dizer que passamos por um “banho” espiritual, somos muitas vezes limpos de mágoas, tristezas e pecados e assim podemos repousar em paz. O salmista disse: “Em paz me deito”; para deitarmos em paz é preciso que estejamos primeiramente em paz com o Senhor e com o nosso próximo. Quando nos deitamos com o coração cheio de amargura e de culpa, falta de perdão, sem pedir ou dar perdão, o sono não chega. “Inútil vos será levantar de madrugada, repousar tarde, comer o pão que penosamente granjeastes; aos seus amados ele o dá enquanto dormem”. (Sl 127.2). Deus trabalha a nosso favor. Muitas vezes acreditamos que estamos trabalhando para Deus, é como um pai que vai ao supermercado com seu filho pequeno e o deixa segurar um lado da sacola. A criança pensa que está carregando o peso, mas quem realmente carrega é o pai. Da mesma forma acontece com Deus em relação a nós. Achamos que estamos carregando o peso, quando, na verdade, Ele é quem está carregando. “Não te assustarás do terror noturno, nem da seta que voa de dia [...]”. (Salmo 91.5) O que são esses terrores noturnos? São as investidas do diabo, setas do maligno tentando nos atingir. Quando entendemos que a nossa vida está nas mãos do Senhor, os pesadelos, as influências e as setas malignas não nos assustam; essa é uma promessa para o nosso coração. Querido (a), precisamos escolher viver a realidade da Palavra do Senhor! Em Provérbios, capítulo 3, verso 25, lemos: “Quando te deitares, não temerás; deitar-te-ás, e o teu sono será suave”. Quando uma pessoa dorme e tem pesadelos, sonhos tumultuados, acorda mais cansada do que estava antes de dormir. Muitas vezes pregamos sobre Pedro, quando ele negou Jesus e sobre a restauração que recebeu, mas houve um momento em que Pedro foi preso por causa do seu testemunho em seguir Jesus. Enquanto estava na cadeia, acorrentado pelas mãos, do lado de fora se encontravam os soldados de prontidão. Muitos deles perseguiam a Pedro com gritos, mas diz a Palavra que Pedro dormia. Pedro seria morto no dia seguinte, estava acorrentado com 16 soldados o guardando. Pedro seria morto no outro dia, mas ele dormia tranquilo até que Deus mandou um anjo acordá-lo, e ele foi libertado. Precisamos descansar no Senhor, Ele tem o controle, seja qual for as circunstâncias. Aleluia!

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave