Cruzeiro recebe multa de R$ 50 mil por não fornecer 10% dos ingressos

Raposa ofereceu apenas 3% dos bilhetes e foi punida; a decisão não é definitiva e ainda cabe recurso

iG Minas Gerais | BRUNO TRINDADE |

Kalil e Gilvan acompanham apreensivos decisão do STJD
DANIELA LAMEIRA/STJD
Kalil e Gilvan acompanham apreensivos decisão do STJD

O Cruzeiro foi punido com uma multa de R$ 50 mil, na tarde desta quinta-feira, pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), por não ter fornecido 10% dos ingressos para a torcida do Atlético no segundo jogo da final da Copa do Brasil.

A Raposa foi enquadrada no artigo 191, por deixar de cumprir ou dificultar o cumprimento do Regulamento Geral ou Específico de Competições. O artigo prevê multa de R$ 100 a R$ 100 mil, com o clube mineiro sendo apenado com metade do valor total. Como o julgamento foi realizado em primeira instância, ainda cabe recurso no Pleno. 

O Cruzeiro ofereceu apenas 3%, o que dá cerca de 1.800 ingressos. O clube alegou que já havia comercializado os outros bilhetes. No setor que sobrou para a torcida visitante, a Polícia Militar, por questões de segurança, disse que só caberiam os 1.800 torcedores. A Raposa tentou ainda vender esses ingressos a R$ 1 mil, o que foi proibido pelo Ministério Público de Minas Gerais. 

Leia tudo sobre: CruzeiroRaposapunicaoSTJDR$ 50 mil10%ingressosfinalCopa do Brasil