Dono de abatedouro clandestino é detido e 30 aves são apreendidas

Animais eram maus tratados, visto que estavam acondicionados em um barraco sem água e sem alimentação

iG Minas Gerais | Fernanda Viegas |

Mandado de busca e apreensão foi cumprido no local
Polícia Militar/Divulgação
Mandado de busca e apreensão foi cumprido no local

O dono de um abatedouro clandestino de aves e de uma "casa de carnes" foi detido nessa terça-feira (2), em Oliveira, na região Centro-Oeste de Minas Gerais, durante o cumprimento de mandado de busca e apreensão.

A Polícia Militar (PM), fiscais do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) e da Vigilância Sanitária compareceram na rua Francisco Paulinelli, no bairro São Sebastião, depois de receberem denúncias de maus tratos de animais e de que o local seria um abate clandestino de aves. 

Na casa, de propriedade de J.L.A., 49, foram encontradas diversas irregularidades, sendo apreendidas 30 aves vivas. Os animais eram maltratados, visto que estavam acondicionados em um barraco sem água e sem alimentação. Além disso, lacres de interdição fixados anteriormente pelos ficais do IMA também estavam rompidos.

Na mesma rua, a equipe também foi a um imóvel, onde funciona uma "casa de carnes", tendo o mesmo homem como dono. Neste local também foram encontradas irregularidades no acondicionamento de carnes.

O suspeito foi encaminhado para delegacia para prestar esclarecimentos. Ele pode responder pelos crimes desobediência e maus tratos a animais.

Leia tudo sobre: abatedouroavesclandestinocasa de carnes