Cubanos na linha de frente

Atletas brilharam na rodada passada do torneio nacional e querem repetir a dose hoje à noite

iG Minas Gerais | Daniel Ottoni |

Escobar foi o autor de 27 pontos na rodada passada contra o Sesi-SP
fotos LINCON ZARBIETTI
Escobar foi o autor de 27 pontos na rodada passada contra o Sesi-SP

Apenas os números apresentados na última rodada da Superliga masculina seriam suficientes para que Yadrián Escobar e Yoandy Leal, cubanos de Minas Tênis Clube e Sada Cruzeiro, respectivamente, chegassem como possíveis protagonistas para mais um clássico do vôlei mineiro e nacional. As duas principais equipes do Estado se enfrentam na noite de hoje, a partir das 21h30, na Arena Minas, com transmissão ao vivo pelo canal SporTV.

Enquanto o time celeste, atual campeão, lidera a competição de forma invicta após oito jogos, o Minas chega em um bom momento, depois de vencer o favorito Sesi-SP, fora de casa. O resultado colocou o clube da rua da Bahia na quinta posição na tabela, com seis vitórias em oito jogos e sedento por novos triunfos para brigar por postos mais altos.

O oposto minastenista foi o destaque da última rodada. Foram anotados por ele incríveis 27 pontos, ou seja, mais que um set inteiro, após uma partida de cinco sets. Escobar foi um dos principais responsáveis pelo triunfo em São Paulo.

Já Leal atendeu sempre ao chamado do levantador William com plenitude. Foram 15 pontos e 100% de aproveitamento na parte ofensiva. Quando El Mago resolvia jogar na ponta, lá estava Leal para afundar o solo, para desgosto do Vôlei Canoas-RS, derrotado em três sets no ginásio do Riacho, em Contagem.

Reencontro. Mais do que compatriotas, os cubanos são amigos de longa data. Esta não será a primeira vez em que eles estarão frente a frente na quadra. Os dois já se enfrentaram no Campeonato Mineiro, quando Leal venceu todos os confrontos entre os arquirrivais do vôlei.

“Fora de quadra, somos irmãos. Dentro dela, adversários. Cada um vai defender sua camisa, é o que temos que fazer”, disse Escobar.

O atleta tem deixado boa impressão em quadra, mas sabe que ainda pode evoluir.

“Estou me saindo como pensava, mas sei que posso melhorar. Ainda cometo muitos erros nas partidas”, admite o exigente cubano.

O bom desempenho de Escobar no vôlei brasileiro não surpreende o amigo.

“Estou muito feliz pelo que ele vem mostrando. Chegou dando resultado, está de parabéns, e espero que continue esse caminho positivo no Minas”, deseja Leal.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave