Detido após atacar joalheria

Prisão de ladrão foi possível graças a uma ação conjunta da Guarda Municipal com reforços da PM

iG Minas Gerais | Evandro Teles |

Militares, com apoio da Guarda, prenderam ladrão
Alex Douglas / O Tempo
Militares, com apoio da Guarda, prenderam ladrão

O reforço de 144 policiais militares em Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte, durante o período de Natal, já começa a dar resultados. Uma ação conjunta entre a Guarda Municipal e os novos policiais resultou na prisão de um assaltante na tarde de ontem. O suspeito Mateus Maia de Alvarenga, de 19 anos, levou um relógio e uma pulseira de ouro de uma joalheira da avenida Amazonas, após simular estar armado para uma funcionária, e foi pego logo depois, na praça do bairro Brasileia.

“Felizmente, com esse reforço da Polícia Militar, temos agentes em praticamente todos os quarteirões da área Central. Vale lembrar que os policiais e agentes da Guarda também estão distribuídos em todas as regiões do município. Nessa ocorrência de roubo, o suspeito, que já tem passagem por porte ilegal de armas, ficou meio perdido, pois para onde corria tinha policial. Ele escondeu o produto do roubo no quintal de uma casa, mas conseguimos recuperá-lo”, explicou o assessor de imprensa da Guarda Municipal de Betim, Anderson Reis.

De acordo com Reis, os marginais vão ter muitas dificuldades de cometer crimes neste período. “A sensação de segurança aumentou substancialmente. Um aviso aos criminosos: não daremos trégua. Estamos de olho, e qualquer crime será rechaçado com a força necessária”, concluiu o assessor.

Segundo a assessoria da PM, já estão atuando na cidade na operação Natalina 122 soldados e 22 sargentos. O suspeito foi levado para a Delegacia de Plantão de Betim.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave