Campus terá escola de ensino básico

O centro se propõe, ainda, a facilitar o acesso de alunos do ensino público ao conhecimento e às práticas científicas

iG Minas Gerais | Raquel Sodré |


Nicolelis foi responsável pelo exoesqueleto que deu chute inicial na Copa
YOUTUUBE/REPRODUCAO
Nicolelis foi responsável pelo exoesqueleto que deu chute inicial na Copa

O Campus do Cérebro, projeto em construção com a verba de R$ 247,5 milhões concedida pelo MEC ao Instituto de Ensino e Pesquisa Alberto Santos Dumont (IEPASD), será um centro de pesquisas e educação científica. O complexo funcionará no município de Macaíba, no Rio Grande do Norte.  

O projeto pretende instituir um polo científico-tecnológico em neurociências e neuroengenharia na cidade, além de criar cursos de pós-graduação (mestrado, doutorado e pós-doutorado) nessas mesmas áreas.

O centro se propõe, ainda, a facilitar o acesso de alunos do ensino público ao conhecimento e às práticas científicas. O contrato de criação do campus também prevê a construção de uma escola de ensino básico e de horário integral no local.

À reportagem do jornal “Estado de S. Paulo”, a assessoria do IEPASD informou que o projeto entrará em operação no segundo semestre de 2015, quando cerca de 200 pessoas estarão trabalhando no local. Em 2017, o número de profissionais envolvidos nos projetos do instituto chegará a 552. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave