Bernardo Santana assumirá a Seds em 2015, anuncia Pimentel

Santana apoiou Aécio Neves nas últimas eleições, mas desistiu de fazer coro à campanha de Pimenta da Veiga em Minas e se voltou a favor da candidatura de Pimentel

iG Minas Gerais | Aline Labatte |

Deputados alegam que lei foi uma imposição da presidente Dilma
SAULO CRUZ/ AGÂNCIA CÂMARA - 14.6.2011
Deputados alegam que lei foi uma imposição da presidente Dilma

O governador eleito Fernando Pimentel (PT) anunciou nesta segunda-feira (1º) o primeiro nome de sua equipe de secretários. O deputado federal Bernardo Santana (PR) vai comandar a Secretaria de Estado e Defesa Social (Seds). O anúncio foi feito durante encontro com delegados de Polícia Civil do Estado.

Líder do PR na Câmara, Bernardo Santana comandou a ala do partido em Minas que desistiu de apoiar o candidato tucano Pimenta da Veiga e passou a fazer coro à candidatura de Pimentel. Nacionalmente, o PR é da base aliada da presidente Dilma Rousseff (PT), mas em Minas o partido é ligado ao governo do Estado. Por outro lado, o deputado anunciou apoio à candidatura presidencial do tucano Aécio Neves.

Em maio, o plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu abrir ação penal contra Bernardo Santana por suposto envolvimento com fraudes investigadas em 2009 na chamada Máfia do Carvão. Santana, que não concorreu à reeleição alegando problemas de saúde, foi inocentado das acusações em setembro.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave