Dentil-Praia Clube tem duelo contra 'pedra no sapato' Pinheiros

Apenas três pontos separam as duas equipes, com vantagem para as mineiras, que ainda não perderam na competição

iG Minas Gerais | DANIEL OTTONI |

Praia Clube briga para manter boa campanha na Superliga
CLÓVIS CUCO
Praia Clube briga para manter boa campanha na Superliga

Um dos quatro invictos da Superliga feminina, o Dentil-Praia Clube parte para um compromisso que tem tudo para ser um dos mais difíceis da temporada. E se engana quem pensa que o adversário desta terça-feira, às 18h45, será um dos times de grande investimento. A equipe de Uberlândia vai até São Paulo encarar o Pinheiros-SP, equipe que só perdeu a invencibilidade na última rodada. O jogo terá transmissão ao vivo do Sportv.

Apesar de não contar com grandes estrelas, o time paulistano tem feito boa campanha, reafirmando um trabalho de 'pé no chão' que começou a ter destaque ainda na última edição, quando a equipe conseguiu se manter invicta por várias rodadas. O time está em quinto lugar na classificação, logo atrás das quatro adversárias de investimentos milionários. 

"Pra quem acompanha de perto, não é surpresa ver o que elas estão fazendo. O Pinheiros tem um bom treinador e ótimas jogadoras, mesmo sendo jovens. Elas estão neste lugar por merecimento. É um time difícil de se enfrentar e que promete brigar na parte de cima até o final", indica o técnico Ricardo Picinin, do Praia Clube.

A apenas dois pontos do líder Molico-Nestlé-SP, o Praia quer chegar à sétima vitória seguida para não perder o segundo posto. A primeira posição é almejada, mas sem 'secar' a rival, preferindo dar um passo de cada vez. "Ainda é cedo para pensar em liderança, o campeonato está só começando. Temos que pensar em fazer o nosso melhor a cada jogo. Não estamos preocupados em jogar e ficar de olho no time de Osasco. O foco é evoluir a cada partida", indica Picinin.

A qualidade do elenco tem dado ao comandante a chance de rodar as jogadoras. Ele lança mão do que tem não somente quando as coisas não estão dando certo. "São muitas jogadoras de qualidade, então é interessante aproveitá-las sempre que necessário. Temos feito o rodízio e o bom rendimento tem se mantido. É bom ter as atletas com um bom ritmo", avalia.