'Zé Bodim' vende carro clonado por R$ 14 mil e é preso em Santa Luzia

Além do vendedor, comprador e amigo também foram detidos no bairro Nossa Senhora das Graças; uma arma foi apreendida

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Um homem de 50 anos, conhecido pelo apelido de “Zé Bodim”, foi preso após vender um Palio Weekend com placa clonada por R$ 14 mil. O esquema foi descoberto na madrugada desta segunda-feira (1º) em Santa Luzia, na região metropolitana de Belo Horizonte, e outros dois homens também foram detidos.

De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar, durante patrulhamento de rotina na rua Alto do Tanque, no bairro Nossa Senhora das Graças, militares do 35º Batalhão se depararam com um jovem de 22 anos na direção do veículo.

Ao ser abordado, nada foi encontrado com o suspeito. Porém, os policiais desconfiaram da documentação do carro e do chassi. Durante uma busca no sistema da polícia, a equipe descobriu o endereço que o Palio estava registrado e foi até lá.

No local foi feito contato com o proprietário e verificado que o seu carro estava na garagem. Em conversa com o suspeito, ele entregou o dono do veículo clonado, um homem de 31 anos.

Ele foi localizado e contou à corporação que comprou o carro de Zé Bodim. O Homem deu R$ 6 mil em dinheiro e um Fiat Uno no valor de R$ 8 mil como pagamento. Na residência de Zé Bodim foi encontrada uma placa de uma Fiorino que também seria clonada, além de uma arma.

O trio foi encaminhado à Delegacia de Plantão de Santa Luzia.  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave