Atlético-PR vence o Goiás por 1 a 0 na despedida da Arena em 2014

Resultado deixa o Furacão na oitava posição, com 53 pontos, enquanto esmeraldino segue em 13º, com 44 pontos ganhos em 37 rodadas

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Furacão se despede de sua torcida com vitória magra sobre o Goiás
Site oficial/Divulgação
Furacão se despede de sua torcida com vitória magra sobre o Goiás

Em mais um jogo pra cumprir tabela, o Atlético-PR venceu o Goiás por 1 a 0 na Arena da Baixada, em Curitiba (PR).

A partida começou lenta, com os times esperando a iniciativa do adversário enquanto se defendiam sem a bola. Enquanto o Atlético-PR tentava manter a posse de bola e chegar com calma ao campo de ataque, a estratégia do time de Goiás consistia em fechar os espaços na defesa e aguardar por um espaço.

Os times não conseguiam criar chances de gol e não apresentavam um bom nível técnico. O jogo seguiu nessa toada até o fim da primeira etapa.

O Atlético-PR voltou ao segundo tempo com mais vontade e passou a pressionar a equipe goiana, mas sem grande efetividade.

Aos 16 minutos, o atacante Marcelo arrancou com velocidade e bateu com força na saída do goleiro Renan para abrir o placar na Arena da Baixada. Após o gol, o time da casa diminuiu um pouco o ímpeto e passou a preservar a posse de bola.

Com o Goiás indo em busca do empate, o jogo se equilibrou e os papéis se inverteram, com o time paranaense jogando no contra ataque.

O Goiás seguiu fustigando o time da casa, mas sem conseguir criar grandes chances de gol. No fim do jogo, porém, a partida ficou violenta e Jackson e Thaigo Mendes, do Goiás, foram expulsos antes do apito final.

O resultado deixa o Atlético-PR na oitava posição, com 53 pontos, enquanto o Goiás segue em 13º, com 44 pontos ganhos em 37 rodadas.

ATLÉTICO-PR Weverton; Sueliton, Cleberson, Gustavo e Natanael; Paulinho Dias, Hernani e Bady (Nathan); Dellatorre (Marcos Guilherme), Marcelo (Douglas Coutinho) e Cléo. T.: Claudinei Oliveira

GOIÁS Renan; Tiago Real, Jackson, Pedro Henrique e Felipe Saturnino (Lima); Amaral, David, Thiago Mendes e Ramon (Esquerdinha); Erik (Welinton Jr.), Samuel. T.: Ricardo Drubscky.

Gol: Marcelo, aos 16 min do 1º tempo Estádio: Arena da Baixada, em Curitiba (PR) Árbitro: Thiago Duarte Peixoto (SP) Cartões amarelos: Gustavo e Hernani (A); Felipe Saturnino, Amaral, Jackson, Thiago Mendes e Samuel (G) Cartões vermelhos: Jackson e Thiago Mendes (G)