De Mocinha a femme Fatale

Rosanne Mulholland volta à Globo, em ‘Alto Astral’, na pele de personagem sexy

iG Minas Gerais |

Rosanne já atuou na Band e também no SBT
JORGE RODRIGUES JORGE/DIVULGAÇÃO
Rosanne já atuou na Band e também no SBT

A fala mansa e os traços delicados de Rosanne Mulholland poderiam muito bem enquadrá-la no estereótipo de boa moça. E era justamente esse o receio que a atriz tinha quando começou a trabalhar na TV: o de sempre ser escalada para personagens delicadas e do bem.

Ela até fez papéis nesse perfil, como a professora Helena, de “Carrossel”, remake do SBT exibido em 2012, e Danielle, protagonista de “Água na Boca”, da Band. Mas, na pele da Débora, de “Alto Astral”, Rosanne explora uma outra faceta, a sedução. “Acho que as personagens que não são politicamente corretas acabam dando mais liberdade para o ator. Estou tentando aproveitar bastante isso”, ressalta.

Na trama de Daniel Ortiz, além de ser atrevida com os homens e trabalhar como secretária da revista de Marcelo (Edson Celulari), a personagem é aluna de natação. Por isso, assim que soube desse detalhe, Rosanne se matriculou em uma aula para não fazer feio nas cenas em que precisa nadar. Ela até tem uma dublê à disposição para as sequências mais complicadas, mas gosta de fazer tudo o que é possível. “Se precisar pular de cabeça, lascou, vou dar barrigada. Aí, nesse caso, seria melhor colocar uma dublê”, pondera.

Composição

Para compor a personalidade egocêntrica e sedutora de Débora, Rosanne até assistiu a alguns filmes com o objetivo de achar algum papel que lhe trouxesse referências. Mas foi nas pessoas que já passaram por sua vida que a atriz encontrou a melhor fonte de inspiração. “Imagino a Débora como alguém que usa do poder feminino para conseguir as coisas”, diz.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave