À espera do comendador

Maria Ísis está fazendo sucesso com seus looks confortáveis e fofos. Selecionamos peças pra você entrar no estilo loungwear

iG Minas Gerais | Miriam Gonçalves |

Sempre elegante, Maria Ísis adora usar vestidos e terninhos para trabalhar no Vicente
Gshow/Divulgação
Sempre elegante, Maria Ísis adora usar vestidos e terninhos para trabalhar no Vicente

O estilo da ninfeta Maria Ísis (Marina Ruy Barbosa), da novela global “Império”, tem dado o que falar. No papel da “sweet child” do comendador José Alfredo (Alexandre Nero), a lolita vem fazendo sucesso com o seu figurino simples e romântico – as peças usadas pela personagem sempre prezam pelo conforto, mas têm uma pitada de sensualidade. 

Até há pouco tempo, o closet da amante do personagem principal da trama era basicamente composto por lingeries e camisolas. Sempre estava pronta à espera de José Alfredo, em seu apartamento, onde eles se encontravam às escondidas.

“A tendência loungewear combina conforto e estilo com peças que permitem a homens e mulheres um visual despojado nas horas livres. São pessoas que querem estar bem vestidas e valorizam uma boa produção, mesmo em casa. É possível apostar em caftãs, macacões, saias, blusas mais soltinhas, pantalonas e vestidos leves. Elas devem servir perfeitamente, sem excessos. Com elas é possível produzir um look para almoçar fora no fim de semana, dar uma volta no shopping ou ir ao cinema, sempre bem-vestido”, ensina Juliana Moraes, da Água Fresca Lingerie.

Recentemente Ísis largou a vidinha de “teúda e manteúda” e começou a trabalhar como recepcionista do restaurante Vicente. Já no seu primeiro dia de trabalho, ela apareceu elegante num terninho impecável, com um penteado arrasador e maquiagem discreta – até mesmo seus looks de trabalho ganharam um toque de elegância e sensualidade, sem deixar de lado a seriedade.

Direto de Minas

A empresa mineira Intima Pas-sion ganhou destaque na trama ao enviar peças para compor o look da personagem. Maria Isis usou uma camisola da linha Intima Passion Lovely, de microfibra, com estampa floral liberty e detalhes em renda guipure em uma das cenas. “Nós enviamos uma caixa recheada de peças com bastante renda, que primaram por tons pastel, e que transmitissem sensualidade com elegância e um quê de jovialidade e meiguice. Acreditamos que, em breve, a personagem usará outras  lingeries nossas’’, conta Tania Mara Rezende, proprietária da marca.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave