Brasil registra um grande terremoto a cada 50 anos

iG Minas Gerais |

Rio de Janeiro. Quatro instituições vão se unir para formar o Serviço Sismológico Nacional. Segundo os centros de pesquisas, o país registra um terremoto de magnitude maior do que 6 graus na escala Richter a cada 50 anos, aproximadamente – o último foi em 1955, no noroeste de Mato Grosso, com índice de 6,2 graus. O tremor foi sentido em Cuiabá, a 370 km de distância.

As universidades de São Paulo (USP), de Brasília (UnB) e a Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) trabalharão sob a coordenação do Observatório Nacional. O grupo mantém cerca de 80 estações sismológicas no país e registros iniciados em 1767.

A mais recente foi inaugurada no mês passado, na Ilha de Trindade, no Espírito Santo. O órgão pretende instalar em breve novos pontos de medição nos arquipélagos de Abrolhos, na Bahia, e Fernando de Noronha, em Pernambucano. Mas dependem da autorização da Marinha e do governo estadual.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave