Contratos viram preocupação no América após o fim da Série B

A todo, 17 atletas terão seu vínculo encerrado após a partida deste sábado, contra o Sampaio Corrêa, no Independência

iG Minas Gerais | ANTÔNIO ANDERSON |

ESPORTES BH MG: TREINO DO AMERICA NA MANHA DESTA SEXTA FEIRA. NA FOTO: OBINA

FOTOS: DENILTON DIOAS / O TEMPO / 28.11.2014
DENILTON DIAS / O TEMPO
ESPORTES BH MG: TREINO DO AMERICA NA MANHA DESTA SEXTA FEIRA. NA FOTO: OBINA FOTOS: DENILTON DIOAS / O TEMPO / 28.11.2014

Além do técnico Givanildo Oliveira, a diretoria do América também terá que se preocupar a partir desta sexta-feira com a renovação do contrato de seus principais jogadores. Ao todo, 17 atletas, sendo dez considerados titulares, terão seu vínculo contratual encerrado com o alviverde após o encerramento da participação do clube na Série B.

Ficarão nesta situação o goleiro Fernando Leal, os laterais Elsinho, Raul e Pablo, os zagueiros Vitor Hugo, Renato Santos e Adalberto, os volantes Andrei, Leandro Guerreiro, Doriva, Gilson e Magrão, além dos meias Renan Oliveira, Tchô e Fábio Caballero e os atacantes Obina e Bruninho. Do time que vem atuando como titular na Série B, o goleiro João Ricardo e o meia Willians ainda têm contrato em vigor por mais tempo.

Artilheiro do América na Série B, com 13 gols, o atacante Obina destacou que tem interesse em renovar com o clube, mas só vai pensar no assunto depois da partida contra o Sampaio Corrêa. “Não sei o que vai acontecer após o compromisso deste sábado. O que posso dizer é que estou muito feliz aqui no América, um clube grande do futebol mineiro e que me dá todas as condições de trabalho”, destacou o jogador.

Recentemente, Obina foi cogitado como possível reforço do  Vasco para 2015, mas o atacante disse que só ficou sabendo da especulação através da imprensa. “Não me chegou nenhuma proposta concreta. Estou muito bem aqui no América, gosto de Belo Horizonte e vamos conversar depois para ver o que vai acontecer”, declarou o jogador. A temporada de 2014 foi marcada por muitas contratações no alviverde.

Ao longo do ano, a diretoria contratou quase três times. Vieram os goleiros Fernando Leal, João Ricardo, Igor e Darley, os laterais Gilson, Cleiton, Artur e Eduardo, os zagueiros Renato Santos, Heitor, André, Adalberto, os volantes Leandro Guerreiro, Pablo, Thiago Santos e Fábio Caballero, os meias Tchô e André Pinga, os atacantes Diney, Betinho, Diogo Dolem, Obina, Ricardinho, Júnior Negão, Bruninho, Henrique, Lucas Silva e Caio Dantas.

Leia tudo sobre: contratosencerradosfimsérie bdiretoriarenovaçãoatacanteobina