Black Friday oferece descontos em produtos financeiros

Corretora Flex Câmbio, em Curitiba, oferecerá dólar com descontos que podem chegar a 3% na taxa de câmbio, com Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) incluso e sem cobrança da taxa de serviço da empresa

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Na 4ª edição da Black Friday no Brasil, que ocorre nesta sexta-feira (28), produtos financeiros também sairão com desconto.

Corretora Flex Câmbio, com cinco lojas em Curitiba, oferecerá dólar com descontos que podem chegar a 3% na taxa de câmbio, com Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) incluso e sem cobrança da taxa de serviço da empresa.

"Vamos esperar abrir a taxa de câmbio, às 10 horas, para definir o preço. Se não houver muita variação em relação à cotação de ontem, o cliente pode economizar até R$ 0,09 por dólar", diz diretor da empresa, Alessandro Catenaci. O dólar comercial, referência nas transações de comércio exterior, terminou a quinta-feira cotado a R$ 2,53. Mas vale ressaltar que o preço da venda em corretoras para quem vai viajar ou tem despesas em dólar, por exemplo, varia conforme a corretora.

Com a promoção, Catenaci espera atender quase três vezes mais clientes que em um dia normal.

A compra pode ser feita pela internet ou telefone, sendo que cada cliente pode adquirir até US$ 3.000 por CPF. O comprador, porém, deve retirar o dinheiro nas unidades da empresa, somente em Curitiba. O serviço de entrega não será feito.

Marcia Dessen, planejadora financeira e colunista da Folha de S.Paulo, diz que a compra pode valer a pena desde que o consumidor tenha planos para consumir essa moeda nos próximos meses, com viagens ou envio de remessas para o exterior.

"É impossível prever uma queda na cotação do dólar com a mudança na equipe econômica e o cenário desfavorável no Brasil e no exterior. Se o objetivo está distante, o mais adequado é comprar o dólar aos poucos".

Mas a especialista afirma ainda que, para quem pretende se proteger contra uma eventual alta na taxa de câmbio, o melhor é comprar agora. Já Erasmo Vieira, consultor da Planilhar Planejamento Financeiro, diz que o mais importante é analisar a própria conta bancária.

"O ideal é não usar empréstimo para comprar, pois os juros irão encarecer a compra. É melhor gastar aquilo que a pessoa tem do que comprar no cartão e estar sujeito a surpresas na hora de pagar a fatura", conclui.

Investimento

A corretora Easynvest vai oferecer na Black Friday um pacote de remuneração em investimentos de renda fixa mais elevada (em média três pontos percentuais) do que de costume.

Os títulos de CDB (Certificados de Depósito Bancário) com vencimento de 2015 a 2017 vão pagar de 110% a 123% do CDI (taxa média do empréstimo entre bancos, que remunera as operações de renda fixa) para investimentos a partir de R$ 3.000 por pelo menos três meses. Há cobrança de Imposto de Renda de 22,5% a 15% dependendo do prazo. Também será oferecida aplicação em LCI (Letras de Crédito Imobiliário), com vencimento de 2015 a 2017 e remuneração de 100% a 103% do CDI, para investimento de pelo menos R$ 30.000. Nesse caso, não há cobrança de IR.

"A todo momento as pessoas são tentadas a consumir e poucas vezes recebem informações para fazer um investimento. Por isso nós quisemos aproveitar essa data para dar uma vantagem ao investidor que quer começar uma aplicação ou aumentar a que já tem", afirma Amerson Magalhães, diretor da empresa.

Samy Dana, economista da FGV e colunista da Folha, diz que essas taxas são boa, mas afirma que "não são incomuns em bancos pequenos" e que é preciso perguntar quem é o devedor desses papéis, para evitar o risco de calote.

Semana de desconto

Embora não esteja na Black Friday, a corretora Confidence Câmbio decidiu organizar a promoção Best Week para vender dólar e euro com desconto de 1 a 5 de dezembro.

O desconto, que pode chegar a 2% no valor da taxa de câmbio, valerá para moeda em espécie e no cartão pré-pago. O IOF continuará sendo cobrado (0,38% para transações em espécie e 6,38% no cartão).

Juvenal dos Santos, diretor de varejo da empresa, afirma que a medida é para "posicionamento de mercado".

"Aproveitamos o conceito da Black Friday, além da alta temporada do fim do ano, e resolvemos fazer a promoção durante uma semana para que os clientes possam se organizar", diz.

Para participar, além das 130 lojas em 23 Estados, o cliente pode fazer a reserva por telefone ou pela internet. O valor só pode ser retirado nos estabelecimentos, já que o serviço de entrega pelo correio não está incluído.

Samy Dana alerta que o melhor a fazer é pesquisar e comparar o preço final com os de outras corretoras, incluindo taxas de serviço e IOF. "O consumidor deve checar se há o desconto".

FLEX CÂMBIO PRODUTO: DÓLAR SITE: www.flexcambio.com.br TELEFONE: (41) 3223-5556 DATA: BLACK FRIDAY

EASYNVEST PRODUTO: INVESTIMENTO EM RENDA FIXA SITE: www.easynvest.com.br TELEFONE: (11) 3841-4515 / (11) 2666-4872 DATA: BLACK FRIDAY

CONFIDENCE CÂMBIO PRODUTO: DÓLAR E EURO SITE: www.confidencecambio.com.br TELEFONE: 4004-5700 (CAPITAIS E REGIÕES METROPOLITANAS) / 0800-400-0800 (DEMAIS LOCALIDADES) DATA: DE 01 A 05 DE DEZEMBRO

Leia tudo sobre: Black FridayCâmbioServiços financeirosBrasilEconomiaDescontosmundo