Integrante de quadrilha, pastor vende diplomas é preso no Norte de MG

Suspeito também atuava como conselheiro tutelar na cidade; documentos falsos eram de Ensino Médio, graduação e pós-graduação

iG Minas Gerais | Fernanda Viegas |

Um pastor de Várzea da Palma, no Norte de Minas Gerais, foi preso suspeito de integrar a uma quadrilha que falsificava e vendia diplomas de Ensino Médio, graduação e pós-graduação, nessa quinta-feira (27).

De acordo com a assessoria da Polícia Civil, a investigação sobre o grupo criminoso começou em Mato Grosso e os estados de Minas Gerais e São Paulo deram apoio, já que pessoas desses estados também estão envolvidas nos crimes.

Nessa quinta-feira, o delegado Fernando Vetorazo cumpriu mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão, como parte da operação.

D.G.S., que também atuava como conselheiro tutelar na cidade, foi preso e com ele foi apreendido mais de mil documentos, dois CPUs, dois notebooks, celulares e mais de 50 cheques.

Ele foi encaminhado para Cadeia Pública de Várzea da Palma, onde está a disposição da Justiça. Outras pessoas também foram presas nos outros dois Estados.

Em Minas Gerais, assim que concluir a investigação sobre o suspeito, o delegado vai avaliar se abrirá processo para averiguar as pessoas que foram "beneficiadas" com os documentos falsos.

Leia tudo sobre: documentos falsosdiplomaspastorconselheiro tutelar