Polícia mineira prende suspeito de homicídio em Porto Alegre

Suspeito, de 33 anos, teve a prisão preventiva decretada em julho do ano passado; ele é suspeito de matar um homem em Nepomuceno, no Sul do Estado

iG Minas Gerais | Da redação |

A Polícia Civil de Três Corações prendeu em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, um homem suspeito de cometer um assassinato em Nepomunceno, no Sul do Estado, em julho do ano passado. M.R., de 33 anos, conhecido como Max, é acusado de assassinar Fábio Fagundes de Melo, com a participação de outros dois homens conhecidos como “Zulu” e “Bodão”, que retiraram o corpo da vítima da cena do crime, colocaram em uma caminhonete e o despejaram em um cafezal.

As investigações apontaram também que A. G. R., de 21 anos, irmã de Max, juntamente com P. H. S. A., cunhado do suspeito, desfez a cena do crime, limpando o local, além de notificar a polícia de um suposto crime de furto, com o intuito de induzir os peritos ao erro. Após cometer o crime, Max fugiu. A prisão preventiva dele foi decretada pela Justiça em 18 de julho de 2013.

Segundo o delegado Cristiano Silva de Almeida, que coordenou a investigação, após alguns meses de rastreamento do suspeito, o serviço de inteligência da polícia apurou que ele estava no Estado do Rio Grande do Sul e, graças ao trabalho de toda a equipe, foi possível prendê-lo e concluir o caso com êxito Os investigadores Silas Lincoln Pereira e Jorge Reseck Direne Filho que efetuaram a prisão do suspeito, que será encaminhado para o presídio de Três Corações, no Sul do Estado.

Leia tudo sobre: crimesul de minas