Preço do gás de cozinha varia quase 70% em BH e região metropolitana

Apesar de redução de 0,35%, botijão de 13 kg pode ser encontrado de R$ 35 a R$ 59

iG Minas Gerais | Da Redação |

Ilustração
undefined

O preço do botijão de gás de cozinha de 13 kg apresenta variação de até 68,57% no preço para o consumidor de Belo Horizonte. Os dados foram apresentados em pesquisa do Procon da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) realizada nessa quarta-feira (26).

Ao todo, 95 revendedores e cinco distribuidoras do produto em oito regiões da capital e Grande BH foram consultados.

De forma geral, o preço médio do botijão de 13 kg caiu 0,35%, passando de R$ 49,94 em outubro para R$ 49,77 em novembro. No entanto, pode ser encontrado de R$ 35 e R$ 59. Curiosamente, os preços mais em conta foram anotados em estabelecimentos da região Centro-Sul, com redução de 5,91% na comparação com a pesquisa de outubro.

Para o cilindro de 45 quilos, a variação é de 66,67%, encontrado de R$ 150 a R$ 250. Esse ficou 0,79% mais caro, em relação ao levantamento de outubro. Para detalhes, clique aqui.

O Procon Assembleia alerta para a importância de o consumidor verificar, ao receber o produto, a presença do lacre sobre a válvula, com a marca da empresa engarrafadora. Além disso, o cliente deve ficar atento em relação à qualidade do botijão, recusando os que estiverem enferrujados ou mesmo amassados. É fundamental ainda exigir a nota fiscal, a garantia em caso de reclamações.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave