Avacoelhada

iG Minas Gerais |

A campanha do América na Série B foi de time vencedor. Com os pontos conquistados dentro de campo, teria garantido o acesso antes da última rodada. Poderia até ter disputado o título. Devido aos seis pontos perdidos no STJD, para terminar entre os quatro primeiros, dependerá da vitória sobre o Sampaio Corrêa, combinação de resultados e outras decisões do tribunal. O julgamento do Icasa estava previsto para hoje. A exclusão do clube cearense poderá modificar a classificação, caso os pontos conquistados pelos adversários sobre o Icasa sejam retirados ou todas as equipes, declaradas vencedoras por W. O. Ainda a possibilidade de o tribunal simplesmente aplicar multa, o que talvez possa gerar processos fora da esfera esportiva. Aliás, criar obstáculos ao pleno acesso de pessoas físicas ou jurídicas na Justiça Comum é anticonstitucional.

A voz da Massa

Saudações alvinegras! Como estou fechando esta coluna um pouco antes da final da Copa do Brasil, confesso a vocês que foi um dos textos mais difíceis que já escrevi, por conta da tensão que não me deixa pensar em outra coisa a não ser no Galão em campo. Cumpro meu dever e escolho falar um pouco do futuro, mais especificamente dessa boa safra de talentos que vem despontando no Galo. E não são poucos talentos não! Diante do Internacional, nosso time terminou a partida com nada menos do que seis juniores em campo, e o melhor, com todos eles jogando bem e com personalidade. Portanto, eu penso que o Galo estará muito bem servido de talentos nas próximas gerações de jogadores. Então é isso! Amanhã a gente fala sobre a grande final. Antes de ir para o Mineirão, deixo um forte abraço ao meu amigo Zé Mico, do Salgado Filho, atleticano da melhor qualidade.

A voz Celeste

Saudações celestes, nação azul. Somos Cruzeiro, o maior de Minas, tetracampeão brasileiro e maior campeão da Copa do Brasil, o clube pioneiro em grandes títulos e representação da nossa terra em todo o mundo. Afinal, vencemos a taça Brasil em 66, primeiro grande título nacional das Alterosas, e fomos a primeira equipe daqui a vencer uma grande competição internacional, a Libertadores de 76, competição da qual temos duas campanhas vencedoras. Nunca caímos para a Série B, e, quando tiveram a chance de nos rebaixar, fracassaram com uma goleada de 6 a 1. Por isso, o valor desse massacre em nível nacional, e nada apaga essa história, nada muda esses fatos. Não serão alterados por nada, a não ser que se igualem, que nos passem, que tenham uma sala de troféus tão ostentadora quanto a do imponente Cruzeiro Esporte Clube, a astuta Raposa das Gerais. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave