Encontro aproxima a MPB e o piano

Projeto Brasil em Dois Pianos chega hoje em BH com homenagem aos 20 anos sem Tom Jobim

iG Minas Gerais | Daniel Oliveira |

Juntos. Fábio Caramuru e Marco Dutra prestam homenagem ao legado de Tom Jobim para a MPB
Fabio Luiz
Juntos. Fábio Caramuru e Marco Dutra prestam homenagem ao legado de Tom Jobim para a MPB

Há dois anos, os pianistas Fábio Caramuru e Marco Bernardo decidiram colocar em prática uma antiga vontade de trabalhar juntos. Só que queriam fazer algo diferente do que existe no mercado hoje. “Duos normalmente abordam música erudita. Então, resolvemos centrar o repertório na MPB, mais conhecida pela canção e pela voz, e fazer com que ela chegasse ao piano”, explica Caramuru.

O resultado é o projeto Brasil em Dois Pianos, que chega hoje ao Teatro Bradesco. Na ocasião dos 20 anos da morte de Tom Jobim, os dois músicos decidiram usar a obra do mestre como espinha dorsal do espetáculo, que acabou intitulado “Tom Jobim, 20 Anos de Saudade”.

“Procuramos fazer um repertório com o maior número possível de gêneros para os quais ele compôs, mas também adicionando outros compositores que o influenciaram, que ele influenciou ou com quem se relacionou, como Vinicius de Moraes, César Mariano e Gilberto Gil”, descreve Caramuru, que fez seu mestrado na USP sobre a obra de Jobim.

Um desses compositores que influenciaram o músico foi Radamés Gnatalli, no qual Marco Bernardo calha de ser especialista. Bernardo faz seus dois solos da noite com composições de Gnatalli e assina todos os arranjos do repertório – com exceção dos dois solos de Caramuru para obras de Jobim.

“O Marco é mais expansivo, mais ligado à música popular. Já eu sou mais contido”, avalia Caramuru. Para ele, é o encontro dessas formações diferentes que dá vida ao espetáculo. “Se fôssemos iguais, ficaria um negócio uniforme demais. Eu gosto mais de curtir os baixos, a coisa melódica, e o Marco tem uma veia mais rítmica. Essa diversidade cria uma liga interessante”, elabora.

Agenda

O que. Brasil em Dois Pianos

Quando. hoje, às 20h30

Onde. Teatro Bradesco (rua da Bahia, 2.244, Lourdes)

Quanto. R$ 10 (inteira)

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave