13º salário

iG Minas Gerais |

No dia 20, vou receber a segunda parcela do meu 13º salário. Com a primeira parcela quitei algumas dívidas, mas ainda restam algumas. Devo tentar quitá-las com a segunda parcela? (Ronilda, bairro Goiânia, Belo Horizonte) Ronilda, parabéns pela sua atitude. Você está aproveitando o 13º salário para quitar ou minimizar as suas dívidas. Se você conseguir quitar todas as suas dívidas restantes com a segunda parcela do seu 13º salário, a missão está completa. Senão, dê preferência para quitar as dívidas mais caras. O que torna uma dívida mais cara? A taxa de juros cobrada. Procure quitar dívidas com cartão de crédito e com cheque especial, que apresentam as maiores taxas de juros, superando os 10% mensais. Se você tiver o valor para pagar um destes débitos, você pode e deve tentar obter um desconto com o banco ou administradora do cartão. Diga que você gostaria de pagar todo o valor, mas não dispõe de todo o montante. Pergunte se não haveria a possibilidade de uma redução no valor para possibilitar o pagamento. Na maioria das vezes, interessados em receber a dívida, o seu credor concederá algum desconto. A mesma lógica vale caso sua dívida seja com uma loja. O lojista tem todo o interesse em receber seu dinheiro e estará aberto para uma negociação que leve à quitação do débito. Caso você não consiga quitar todas as suas dívidas, tente organizar o seu orçamento para conseguir durante o ano ir pagando o seu credor. Negocie com ele e transforme a dívida em parcelas mensais que cabem no seu orçamento. Mas fique atento à taxa de juros que será usada. Quanto menor ela for, menor será a prestação. Sempre pretendo usar uma parte do 13º salário para comprar presentes para meus familiares, mas acabo comprometendo e usando um valor maior do que pretendia inicialmente. Como faço para evitar isso? (Marlene, centro, Belo Horizonte) Marlene, o seu problema é fácil de resolver. Você deve primeiro fazer uma lista de todas as pessoas que você pretende presentear. Depois você deve levantar o valor do seu 13º salário que será destinado para os presentes. Tendo esse valor, você deve dividi-lo pelo número de pessoas que você irá presentear e assim você terá um valor médio do presente. Como é um valor médio, você poderá comprar alguns presentes com um valor superior, mas deverá compensar comprando outros com um valor inferior ao calculado. Nesta época do ano, é ainda mais importante pesquisar antes de comprar. A variação de preço de alguns itens no comércio é muito grande. Uma boa pesquisa pode levar a uma grande economia. Hoje essa comparação fica ainda mais fácil com o crescimento das lojas que vendem pela internet. Navegando você em poucos minutos visita uma série de lojas. E se em algum ano você estiver mais apertada querendo usar o seu 13º para alguma outra finalidade, use a criatividade. Muitos presentes podem ser feitos gastando-se muito pouco. Um bonito cartão com uma bela mensagem pode agradar bastante aqueles que você gosta. E agradará também o seu bolso! Neste mês, continuo com a promoção do livro “Meu Dinheiro”, buscando que mais pessoas possam adquiri-lo. Os leitores interessados podem me enviar um e-mail que retorno com as indicações de como proceder. No livro, são discutidos temas importantes sobre finanças pessoais de uma forma que ajude os leitores a melhorar o seu relacionamento com o dinheiro. Também estão disponíveis os livros de educação financeira infantil da série “Meu Dinheirinho”. Mandem dúvidas e sugestões para o e-mail carloseduardo@harpiafinanceiro.com.br

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave