Pelé continua internado em São Paulo e sem previsão de alta

Com uma infecção urinária, assessoria informa que o ex-jogador deve iniciar os tratamentos com antibióticos

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Ex-jogador passou por procedimento cirúrgico nessa quinta-feira
Reprodução/Santos FC
Ex-jogador passou por procedimento cirúrgico nessa quinta-feira

Pelé, 74, continua internado no hospital Albert Einstein, em São Paulo. De acordo com um novo boletim médico divulgado nesta terça-feira (25), o estado de saúde do ex-jogador é estável. Ainda não há previsão de alta.

 

Pelé voltou a ser internado na noite de segunda-feira (24). Ele passou por exames de revisão após uma cirurgia de cálculos renais. A partir dessa avaliação foi diagnosticada uma infecção urinária.

A assessoria de imprensa de Pelé informou na segunda que ele foi internado para iniciar o tratamento com antibióticos.

A internação de Pelé ocorre exatos 11 dias após ele ter recebido alta no mesmo hospital, na zona sul da capital.

Na primeira vez que foi internado, ex-jogador sentiu uma indisposição estomacal, causada pela alimentação, durante a tarde do último dia 12. Até cancelou a participação em um evento no Museu Pelé, em Santos, no qual faria um pronunciamento.

Os exames detectaram cálculos ("pedras") renais, ureterais e vesicais (bexiga) e Pelé foi submetido a uma cirurgia no último dia 13. Recebeu alta no sábado, no dia 15.

Em 2012, Pelé também ficou internado no hospital Albert Einstein, onde passou por uma cirurgia de artroplastia total de quadril direito.

Na ocasião, o médico responsável pelo procedimento disse que o problema fora causado pelo esforço feito por Pelé ao longo da vida, principalmente com a carreira como jogador de futebol.

A falta de tempo para dedicar as sessões de fisioterapia fizeram a recuperação do ex-jogador se alongar. Em alguns eventos ele chegou até a utilizar uma bengala.

Apesar dos problemas de recentes de saúde, o ex-atleta não tem planos de aposentadoria. De acordo com seu estafe, Pelé continuará trabalhando com eventos e fazendo campanhas publicitárias enquanto tiver saúde para isso e já tem projetos visando a Olimpíada do Rio-2016 e também a próxima Copa do Mundo, em 2018, na Rússia.

Neste ano, Pelé inaugurou um museu sobre sua história no centro de Santos. Viajou para vários países para compromissos publicitários antes e até mesmo durante a Copa do Mundo no Brasil.

Leia tudo sobre: Peléfutebolex-jogadorReiinternadohospitalinfecção urinária