Agentes penitenciários invadem plenário da ALMG para protestar

Manifestação teve início na manhã desta terça-feira (25) no Centro da capital mineira, chegando até ao plenário da Assembleia Legislativa

iG Minas Gerais | JOSÉ VÍTOR CAMILO |

Cerca de 100 agentes penitenciários protestam, desde a manhã desta terça-feira (25), contra o déficit de profissionais nas unidades prisionais de Minas Gerais. A manifestação teve início às 8h30 no Centro de Belo Horizonte, sendo que os manifestantes caminharam até a praça da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) e chegaram a invadir o plenário. 

Conforme a Polícia Militar (PM), a manifestação é pacífica e não prejudica o trânsito na região. Segundo o presidente do Sindicato dos Agentes de Segurança Penitenciária do Estado de Minas Gerais (SINDASP-MG), Adeilton de Souza Rocha, a categoria tem se mobilizado desde o início de novembro, após demissões dos agentes contratados pelo Governo do Estado.

"A questão é que não estão colocando os concursados no lugar. Apesar das nossas manifestações, a Secretaria de Estado de Defesa Social (SEDS) e a Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag) não falam a respeito", afirma. Ainda de acordo com ele, as unidades prisionais do Estado já apresentam um déficit de quase quatro mil agentes. 

O sindicato afirma que hoje existem cerca de 15 mil trabalhadores, quando o mínimo deveria ser 18,5 mil. "Antes mesmo deles começarem a demitir os contratados já havia um número inferior ao necessário. Temos aproximadamente 60 mil presos, o segundo maior número do país, existem unidades prisionais com um agente para cada 50 presos. A recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) é que haja um agente para cada três presos", finalizou. 

A SEDS foi procurada por O TEMPO, mas ainda não se posicionou sobre a manifestação dos agentes. 

Leia tudo sobre: protestomanifestaçãoagentes penitenciáriosdéficitalmgplenário