Único Estado sem shopping, Roraima inaugura primeiro centro comercial

Com 314 mil habitantes, a cidade é a segunda capital menos populosa do país, atrás apenas de Palmas (TO), onde há 265 mil pessoas e dois shoppings

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Único Estado brasileiro que não tinha um shopping center até esta semana, Roraima inaugura nesta terça (25) e quinta-feira (27) seus dois primeiros empreendimentos, na capital Boa Vista.

Com 314 mil habitantes, a cidade é a segunda capital menos populosa do país, atrás apenas de Palmas (TO), onde há 265 mil pessoas e dois shoppings. Teresina (PI), Porto Velho (RO) e Rio Branco (AC) possuem um empreendimento cada.

Somados, o Pátio Roraima Shopping, que abre suas portas nesta terça, e o Roraima Garden Shopping, com inauguração prevista para quinta, consumiram cerca de R$ 455 milhões, com lojas de departamento, supermercados e nove salas de cinema. O investimento é praticamente todo do Sudeste do país.

"A população está sedenta por um empreendimento desses. O shopping mais perto daqui fica em Manaus, a mais de 700 km de distância", diz Jacqueline Lopes, superintendente do Roraima Garden, construído pela mineira Tenco Shopping Centers. "Em uma cidade tão quente, haverá a opção de um ambiente com ar condicionado full time e segurança."

Jacqueline estima o custo total em R$ 300 milhões, metade deles bancado por lojistas e grandes marcas de departamento, além de financiamento de R$ 80 milhões do Banco da Amazônia. O Roraima Garden terá 168 lojas, cinco âncoras (lojas principais), quatro salas de cinema e um supermercado, num total de 42,6 mil metros quadrados de área construída e 26 mil metros quadrados de ABL (Área Bruta Locável).

Já o Pátio Roraima, orçado em R$ 155 milhões, abrigará 191 lojas em 26 mil metros quadrados de ABL e 42 mil metros quadrados de área construída. Além de seis âncoras, contará com cinco salas de cinema e, a partir do ano que vem, um hotel. O investimento é da carioca Saphyr Shoppingns Centers.

Oportunidade

"Nos últimos anos houve um boom de abertura de shoppings. Boa Vista alcançou 300 mil habitantes e atingiu uma enorme força econômica. Há um comércio pulverizado na cidade, e vimos uma oportunidade que justifica o investimento", diz Fabiano Guerra, superintendente do Pátio Roraima.

Com os dois novos empreendimentos, Boa Vista passará das atuais seis para 15 salas de cinema. As únicas disponíveis até então ficavam no Cine Super K, estabelecimento no centro da cidade, com mais de 30 anos de funcionamento, salas com tecnologia 3D e a mesma programação de filmes dos grandes centros do país.

"Os hábitos de consumo da população da cidade vão mudar e será um desafio para os cinemas concorrentes. Mas há espaço para todos e quem sai ganhando é a população", diz Guerra. Também nesta semana, Manaus ganhará dois novos shoppings -Via Norte e Sumaúma Park- e fechará o ano com dez centros comerciais, além da previsão de pelo menos mais um empreendimento em 2015.

Dos 515 shoppings do país, 284 estão no Sudeste, 88 no Sul, 72 no Nordeste, 46 no Centro-Oeste e 25 no Norte.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave