Uso do WhatsApp por lojistas da Savassi reduz criminalidade em 40%

Resultados foram apresentados na manhã desta terça (25), em reunião na CDL; serviço deve ser estendido para outras regiões de Belo Horizonte

iG Minas Gerais | Bernardo Miranda/Gustavo Lameira |

O uso do aplicativo WhatsApp por lojistas da Savassi, região Centro-Sul de Belo Horizonte, apresenta resultados positivos contra a violência depois de um mês de parceria com a Polícia Militar (PM) no programa Rede de Comerciantes Protegidos. Os números foram apresentados na manhã desta terça-feira (25), em uma reunião na Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH).

Em funcionamento desde o dia 22 de outubro, foi registrado uma redução de 40% no número de furtos, roubos, arrombamentos e assaltos ao comércio local, conforme a PM. Os dados são comprovados pelos cem empresários que integram o grupo, monitorado 24 horas/dia pela Polícia Militar.

O sucesso da comunicação rápida via WhatsApp e o aumento da segurança estimularam ao uso da tecnologia em outras regiões da cidade. Segundo a Polícia, a implantação é estudada para o hipercentro, bairros de Lourdes e Barro Preto.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave