Sistema poderá ter aplicativo para cegos

Segundo a assessoria de imprensa da autarquia, o diretor da BHTrans que participou da reunião não foi encontrado para comentar as resoluções

iG Minas Gerais | Camila Bastos |

A Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans) poderá começar a testar, em dezembro, um aplicativo para ajudar as pessoas com deficiência na acessibilidade ao transporte coletivo da capital. Conforme a assessoria de imprensa da Câmara Municipal, a proposta foi apresentada nesta segunda, durante audiência pública com representantes dos movimentos por direitos dos deficientes e da autarquia.

O aplicativo que deverá ser testado para ser implantado na capital é similar ao BusAlert, que informa ao passageiro onde está o ônibus da linha aguardada, se o carro é acessível e também pode avisar ao motorista que ele embarcará no coletivo.

Entre os principais questionamentos dos movimentos sociais estão a falta de funcionários para acompanhar as pessoas com necessidades especiais no embarque e no desembarque e os problemas técnicos no sistema de som dos coletivos. “Uma das principais funções dessa reunião foi dar voz aos deficientes, que se sentem impotentes”, defendeu o vereador Leonardo Mattos (PV).

Segundo a assessoria de imprensa da autarquia, o diretor da BHTrans que participou da reunião não foi encontrado para comentar as resoluções.

Acidente

Feridos. Dez pessoas ficaram feridas nesta segunda após um ônibus da linha 6350, do Move, bater na traseira de outro da linha 325, na região do Barreiro, na capital. Ninguém sofreu ferimentos graves.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave