Três reforços para a decisão

Galo poderá contar com Guilherme, Réver e Maicosuel na grande final do torneio nacional

iG Minas Gerais | Fernando Almeida |

Guilherme pode ser uma arma muito importante para busca o inédito título da Copa do Brasil
JOÃO GODINHO – 18.7.2014
Guilherme pode ser uma arma muito importante para busca o inédito título da Copa do Brasil

Um líder nato, um garçom de mão cheia, e uma certeira e veloz flecha. O Atlético iniciou a breve semana que antecede a decisão da Copa do Brasil com uma boa notícia. Uma, não, três.

O departamento médico do Galo mostrou sua competência e liberou o zagueiro Réver, o meia Guilherme e o atacante Maicosuel para a grande decisão desta quarta, abrindo o sorriso do técnico de Levir Culpi, que já começou a esboçar a equipe que entrará em campo nesta quarta.

Tendo como base o treino desta segunda na Cidade do Galo, os três reforços para a partida decisiva serão apenas opções no banco de reservas, dando a Levir um maior leque de alternativas a serem acionadas durante a partida. Com isso, o time alvinegro deverá ser o mesmo que venceu o Flamengo pelo marcador de 4 a 0 no meio da última semana passada com: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Jemerson e Douglas Santos; Leandro Donizete, Rafael Carioca, Dátolo, Diego Tardelli e Luan; Carlos.

O retorno do trio aos treinos com bola foi bastante comemorado pelos companheiros. Tardelli reiterou a importância de ter os atletas de volta à ação, dando um ânimo a mais ao grupo.

“Bom demais. Os três são importantíssimos. Para uma final, um zagueiro, um meia e um atacante rápido é ótimo. Tomara que possam ir para o jogo quarta-feira, pois nos deixam mais fortes na decisão”, disse Tardelli.

Victor também ressaltou que esses três jogadores também serão de suma importância para o Galo no restante da temporada, já que a equipe também deseja finalizar o Brasileirão na melhor posição possível na classificação.

“São jogadores de qualidade, já com história no futebol. São importantes para a reta final de Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro também”, destacou o dono da camisa 1.

Victor não quer jogo nos pênaltis Mesmo com a fama de pegador de pênaltis construída em 2013, o goleiro Victor não deseja fazer o torcedor suar de apreensão novamente e levantar o título da Copa do Brasil nesta quarta-feira sem disputas de pênaltis. “Temos de estar preparados para tudo, para qualquer tipo de decisão. Isso (cobranças de pênaltis) é um ponto que tem de se preparar, tomara que não aconteça”, disse Victor, apontando que o fato de ele e Fábio não terem defendido pênalti nesta temporada não faz nenhuma diferença caso eles sejam requisitados.

Guilherme Recuperado. O meia do Galo sofreu um estiramento muscular na coxa direita, no fim do mês de outubro, antes da partida contra o Sport, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Como pode contribuir. O camisa 17 costuma ser peça decisiva em grandes duelos. Habilidade e visão de jogo são diferenciais, podendo acrescentar em passes e arremates certeiros.

Maicosuel Recuperado. O camisa 77 ficou fora do primeiro jogo da final da Copa do Brasil contra o Cruzeiro, no Horto, por conta de estiramento na coxa esquerda e desde então vinha se recuperando. Como pode contribuir. O meia-atacante tem muita velocidade e habilidade. Com o rival precisando de atacar, Maicosuel pode ser muito útil para puxar os contra-golpes da equipe alvinegra na decisão.

Réver Recuperado. Depois de sofrer com dores constantes no tornozelo esquerdo, o zagueiro passou por uma artroscopia em agosto para corrigir lesão na cartilagem. Como pode contribuir. Dos liberados pelos médicos, Réver é o que tem menos chances de jogar. Deve ficar no banco, mas pela liderança que tem pode ser importante na final.

Silêncio Nada a declarar. Em decisão tomada com a diretoria, os médicos do Galo decidiram não falar sobre a liberação de Réver, Guilherme e Maicosuel. O mistério ronda o CT na véspera da grande final.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave