Clamor aos céus

iG Minas Gerais |

Instagram/Reprodução
undefined

EDUARDO COSTA se ajoelhou e pediu chuva. “Ó Deus, perdoe este pobre coitado, que de joelhos rezou um bocado pedindo pra chuva cair sem parar”, escreveu o cantor em uma rede social, usando um trecho da canção de Luiz Gonzaga.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave