Marcelo Oliveira exalta trabalho após conquista antecipada do tetra

Técnico cruzeirense frisou sua meta de sempre buscar as conquistas

iG Minas Gerais | Rômulo Abreu |

Marcelo Oliveira observa o Cruzeiro do banco de reservas
DENILTON DIAS / O TEMPO
Marcelo Oliveira observa o Cruzeiro do banco de reservas

Mesmo depois de conseguir um feito raro no futebol, conquistando o segundo título brasileiro consecutivo, o técnico Marcelo Oliveira mudou o tom para analisar a trajetória que tem percorrido no clube celeste. Com a sensação de alívio pelo dever cumprido expressa no olhar, o comandante exaltou o trabalho histórico que tem feito, mantendo a Raposa pelo no topo por duas temporadas.

Oliveira frisou sua meta de sempre buscar as conquistas e comemorou por ter tido a oportunidade de trabalhar num clube que possui a mesma mentalidade e tradição, como ele mesmo enalteceu.

“Eu trabalho sempre com a perspectiva de coisas boas. Trabalhamos muito, um trabalho intenso, com um grupo forte, mobilizamos muito, tentamos nos unir pensando em coisas importantes. Isso aumenta quando estamos num clube que tem essa tradição como é o Cruzeiro”, disse.

Em dois anos de Cruzeiro, Marcelo Oliveira disputou sete campeonatos e faturou três (Mineiro 2014, Brasileiro 2013 e 2014), sendo que um – a Copa do Brasil 2014 – ainda não terminou e a Raposa está na final. O aproveitamento da equipe celeste sob o comando do treinador é bastante positiva e, como ele sempre prega, tudo é fruto de um trabalho obstinado e com objetivos grandes.

“No futebol às vezes conseguimos resultados, às vezes não, mas na maioria das vezes estamos conseguindo e temos que seguir bem esse trabalho. Não tem chuva, não tem sol, queremos sempre conquistar”, ressaltou.

Daqui três dias o Cruzeiro terá nova chance de conquistar mais um título, desta vez, o penta da Copa do Brasil. Para isso, terá que superar o Galo, que virá para o jogo com vantagem por ter vencido o primeiro confronto por 2 a 0, no Horto. Marcelo Oliveira disputa sua terceira final deste torneio, as outras duas foi pelo Coritiba.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave