Marcelo Oliveira e o abraço emocionado em Gilvan

Presidente celeste abriu as portas ao treinador em 2012, mesmo sob desconfiança de parte da torcida, mas o comandante não decepcionou

iG Minas Gerais | THIAGO NOGUEIRA |

No meio de tanta gente na comemoração do gramado, o técnico Marcelo Oliveira procurou insistentemente pelo presidente Gilvan de Pinho Tavares. Ele queria cumprimentá-lo e agradecer pela confiança, após levar o Cruzeiro a mais um título brasileiro.

“Obrigado pela confiança, pelo respeito. Isso foi fundamental, vamos seguir ganhando”, disse Marcelo a Gilvan, com uma alegria incontida, em um verdadeiro gesto de pai para filho.

No fim de 2012, o Cruzeiro anunciou que Marcelo Oliveira seria o técnico do clube na temporada seguinte. Parte da torcida reprovou e houve até manifestações de repúdio. Com o bicampeonato nacional, Marcelo Oliveira calou os críticos. “Não tem que agradecer”, respondeu Gilvan.

Marcelo Oliveira ressaltou que a parceria entre time e direção foi fundamental. “Sou muito grato a isso. O presidente confiou no trabalho, trabalhamos juntos. O conjunto prevaleceu com a diretoria apoiando, respaldando, cobrando também”, destacou Marcelo.

Gilvan explicou que optou por Marcelo Oliveira pelo estilo do treinador ser semelhante à tradição técnica do clube. “Quando pensei no Marcelo foi para um treinador que adota esse estilo, de toque de bola, de padrão. E o Cruzeiro sempre foi assim”, afirmou o presidente.

Leia tudo sobre: cruzeiromarcelo oliveiraabraçogilvangoiascampeaotetrabrasileiro