Tumulto em abordagem policial deixa um morto e um ônibus incendiado

Caso estaria relacionado ao tráfico de droga; moradores tentaram evitar prisões e tomar a arma de um militar quando aconteceu o disparo

iG Minas Gerais | Gustavo Lameira |

A abordagem a suspeitos de envolvimento com o tráfico de droga terminou com a morte de uma pessoa no bairro Calafate, região Oeste de Belo Horizonte, na madrugada deste domingo (23). Moradores teriam tentado impedir a ação da Polícia Militar (PM), e depois ainda incendiaram um ônibus.

De acordo com informações iniciais dos militares, durante a abordagem aos suspeitos, na rua Bimbarra, um morador teria incitado aos demais que agredissem a Polícia. A PM, então, pediu um reforço. Na sequência, cerca de 50 populares se juntaram contra um único militar e, no tumulto, tentaram tomar a arma dele, quando foi feito o disparo. O homem atingido foi socorrido pelos militares, mas morreu ao dar entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Oeste. A Sala de Imprensa da corporação disse ainda não ter certeza se o tiro partiu da arma do militar ou se um dos agressores poderia estar armado. Também não há informações sobre detidos.

Revoltados, moradores ainda  incendiaram um um coletivo na avenida Teresa Cristina, também no bairro Calafate. Quando o Corpo o Bombeiros chegou a endereço, as chamas já haviam destruído todo o veículo, o que impediu a identificação de sua linha e itinerário.

Ocorrência em andamento...

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave