São Paulo pode processar Penalty por "aposentar" Rogério Ceni

Clube não gostou de convite enviado à imprensa pela Penalty, no qual marcou um evento de "aposentadoria" de Ceni

iG Minas Gerais | Da Redação |

Ceni está de volta ao time titular do São Paulo
Rubens Chiri / São Paulo
Ceni está de volta ao time titular do São Paulo

Depois de divulgar um evento que “marcava” a aposentadoria do goleiro Rogério Ceni, o São Paulo já fala em processar  a Penalty, sua fornecedora de material esportivo desde 2013. O clube e o atleta reagiram com indignação ao convite de “despedida de Rogério Ceni” feito pela  empresa.

Segundo o clube, o evento deveria ser apenas o lançamento de uma camisa comemorativa, mas no convite enviado à imprensa pela Penalty informava que Ceni confirmaria sua aposentadoria. O evento está marcado para o dia 25 de novembro, um dia antes do segundo jogo da semifinal da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional, no Morumbi.

Considerado um “erro grotesco da empresa” pelo São Paulo, o departamento jurídico do clube estuda possibilidades de ação contra a fornecedora e não descarta um processo judicial. A diretoria do São Paulo entende que o convite trata-se de criação de um "fato novo" no dia de decisão para o time na temporada. O time enfrentou o Atlético Nacional horas depois do anúncio. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave