Dilma deve anunciar novo ministro da Fazenda até esta sexta

Segundo jornal "Valor Econômico", o presidente do Bradesco, Luiz Carlos Trabuco, foi convidado para assumir a pasta

iG Minas Gerais | Da redação |

Expansão do crédito e redução de inadimplência geraram resultado
EPITÁCIO PESSOA/AGÊNCIA ESTADO - 27.4.2010
Expansão do crédito e redução de inadimplência geraram resultado

A presidente Dilma Rousseff deve divulgar um bloco de nomes para ocupar seu novo ministeriado até o final desta semana. Segundo reportagem do jornal "Valor Econômico" desta quinta-feira, Dilma já convidou o presidente do Bradesco, Luiz Carlos Trabuco, para substituir Guido Mantega no Ministério da Fazenda. Até a manhã desta quinta, nenhum anúncio oficial havia sido feito, e Trabuco ainda não havia respondido publicamente sobre o convite.

Na última terça-feira, segundo o "Valor", Dilma teve um encontro com Lázaro Brandão, presidente do Conselho de Administração do Bradesco, para falar sobre uma eventual saída de Trabuco da chefia do banco.

Outros nomes cotados para assumir a Fazenda são o do atual presidente do Banco Central, Alexandre Tombini; o ex-presidente do Banco Central, Henrique Meirelles (que teria o apoio de Lula) e o ex-secretário de Política Econômica do Ministério da Fazenda (2008-2010) Nelson Barbosa. 

Segundo o "Valor", Tombini foi convidado a permanecer no BC, com a missão de deixar a inflação dentro do dentro da meta de 4,5% até 2016.

Leia tudo sobre: FazendaTrabuco