Ceni enaltece 'luta' do São Paulo e despista sobre aposentadoria

Equipe tricolor perdeu para o Nacional de Medelín e precisará vencer por dois gols no jogo da volta, no Morumbi,para se classificar a final do torenio

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Suspenso, Ceni é um dos principais desfalques do Tricolor para o jogo contra a Raposa
VIPCOMM/DIVULGAÇÃO
Suspenso, Ceni é um dos principais desfalques do Tricolor para o jogo contra a Raposa

Para o goleiro Rogério Ceni, o fator "cansaço" pesou na derrota do São Paulo por 1 a 0 diante do Atlético Nacional (COL), nesta quarta-feira (19), em Medellín.

"É um time que chegou no limite do que pode dar. Quando bate o cansaço, o rendimento tende a cair. Não fizemos um grande jogo, produzimos pouco, mas lutamos muito", disse o goleiro ao término da partida.

Com a derrota, a equipe tricolor precisa vencer por dois gols de diferença no Morumbi, no próximo dia 26. Caso devolva o placar de 1 a 0, a vaga na final diante de Boca Juniors ou River Plate -que se enfrentam nesta quinta (20)- será definida na disputa de pênaltis.

"A gente confia no apoio do torcedor para levar esse time à decisão do campeonato", acrescentou Ceni, que continua sem cravar sua aposentadoria dos gramados ao final do ano.

"Estou determinado a ser campeão. Quem sabe encerrar [a carreira] com o título da Sul-Americana", despistou o camisa 1.

No próximo domingo (23), o São Paulo enfrenta o Santos em Cuiabá, na 36ª rodada do Campeonato Brasileiro.