Atirador aborda morador de Venda Nova, diz 'perdeu' e o executa

Apesar da expressão, geralmente usada durante assaltos, nada da vítima foi levado; dois homens também morreram em Contagem e Ribeirão das Neves nessa quarta

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Um homem de 37 anos foi assassinado com nove tiros, na noite dessa quarta-feira (19), no bairro de Mantiqueira, na região de Venda Nova, em Belo Horizonte. Antes de cometer o homicídio, o bandido disse que a vítima havia “perdido”.

De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar, a companheira de Claudinei Aparecido Pereira Lourenço contou que estava com o marido na porta de casa, localizada na rua Pedro Rocha Possas, quando um homem não identificado por ela apareceu.

Ele teria olhado para Lourenço e dito “perde”. Em seguida, o suspeito começou a atirar e acertou os braços, rosto, perna e tórax da vítima, que morreu na hora. Apesar da expressão, geralmente usada por criminosos durante assaltos, nada foi levado do casal.

A autoria e motivação do crime são desconhecidas. A ocorrência foi encerrada na Delegacia de Plantão de Venda Nova.

Outros homicídios

A noite de terça foi marcada pela violência. Além da execução de Venda Nova, outros dois assassinatos na região metropolitana de Belo Horizonte.

Em Ribeirão das Neves, Reginaldo Santana Ramos Júnior, de 26, foi morto com seis disparos nas costas, tórax, braço e pescoço. O crime aconteceu na rua Frei Fregoni, no bairro Flamengo.

Populares contaram aos militares do 40º Batalhão que duas pessoas cometeram o crime e fugiram a pé. Ninguém foi identificado ou localizado.

Já em Contagem, um jovem de aparentemente 28 anos foi morto com quatro disparos nas costas e no ombro esquerdo. O corpo foi encontrado na rua Treze de Junho, no bairro Três Barras.

Populares disseram aos policiais do 18º Batalhão que o jovem, que era conhecido na região como “Wesley”, fazia uso de drogas. Nenhum documento foi encontrado com a vítima para que o nome fosse confirmado. Ninguém foi preso.

Todos os casos serão investigados pela Polícia Civil.

Leia tudo sobre: homicídioexecuçãoribeirão das nevesvenda nova