Vizinho estupra primas de 6 e 8 anos e culpa uma delas pelo crime

Suspeito, de 52 anos, foi preso em casa; homem alegou que a menina mais velha tirou a roupa e insistiu para que ele a acariciasse

iG Minas Gerais | Fernanda Viegas |

Um homem de 52 anos foi preso suspeito de estuprar duas primas de 6 e 8 anos, que foram à casa dele para brincar com um cachorro. As mães das meninas acreditam que o suspeito aproveitou do fato de que ele era próximo da família para abusar das crianças. O crime aconteceu na noite dessa segunda-feira (17), na rua Noel Rosa, no bairro Altinópolis, em Governador Valadares, na região do Vale do Rio Doce, e segundo o suspeito, uma das meninas “pediu” pelo estupro.

A mãe da menina de 6 anos, vizinha do suspeito, foi quem fez a denúncia à Polícia Militar (PM) depois de ouvir da filha o que teria acontecido. A prima dela foi na casa de L.R.F. para brincar com o cachorro do homem e ela resolveu ir também.

No terraço da casa, a criança menor viu que a sua prima estava sem roupa, o homem com a bermuda aberta, e ele acariciava a menina. Depois, ele também teria passado a mão na vagina dela e pedido para que ela não olhasse para o pênis dele. O suspeito teria dito a ela que não contasse para ninguém e que como a menina mais velha é deficiente auditiva, o segredo seria dos dois.

Segundo a PM, as primas contaram como foi o abuso sexual com detalhes e faziam gestos para demonstrar a ação. Elas foram encaminhadas para um hospital.

O suspeito foi detido na casa dele. Aos militares, o homem confirmou que as meninas estiveram na residência dele e disse ainda que a criança de oito anos tirou a roupa e insistiu para ele passar a mão nela e por isso que ele o fez. De acordo com o homem, foi a primeira vez que isso aconteceu. Também, ele garantiu não ter feito nada contra a criança menor. Ele foi encaminhado para delegacia.

Leia tudo sobre: estuproabuso sexualmeninasprimasvizinho