Vendo-se fora do corpo

Autoscopia será tema de curso ministrado por médico em BH

iG Minas Gerais | Ana Elizabeth Diniz |

Relaxamento conduzido pode acessar memórias esquecidas
STOCKXPERTS
Relaxamento conduzido pode acessar memórias esquecidas

Não é preciso aparelhos para se alcançar o que se passa por dentro do indivíduo, onde estão preservadas informações valiosas para o autoconhecimento. A autoscopia é uma técnica que proporciona essa visão interna por meio da hipnose.

Quem vem a Belo Horizonte para dar um curso (ver agenda) sobre a técnica é João Jorge Cabral Nogueira, médico, professor e psicoterapeuta com formação em hipnose clínica pela Universidade Celso Lisboa e autor dos livros “Autoscopia – Uma Viagem Interior” e “Criança de Luz”.

Ele diz que, assim como a endoscopia, em que o médico visualiza o tubo digestivo, na autoscopia, a pessoa vê seu corpo, o ambiente e o mundo a sua volta como se estivesse fora do seu corpo físico.

“Esse é um processo de visualização interna de nosso corpo por meio da hipnose, que nada mais é que um estado de relaxamento induzido em que ocorrem vários fenômenos como regressão de memória para busca dos traumas”, explica o médico.

Segundo ele, a regressão vai aonde o trauma se instalou, “seja nessa ou em outras vidas para os espiritualistas. Para os ateus e cristãos, é a memória genética, inconsciente coletivo de Jung ou campo akáshico de Laszlo. Existem várias teorias para explicar esse fenômeno, mas, o mais importante é acolher o que a pessoa traz e ressignificar ou redecidir para a cura”.

A autoscopia, diz Jorge, traz inúmeros benefícios para a psicoterapia, podendo auxiliar no tratamento de fobias, síndrome de pânico, depressão leve e moderada, ansiedade, entre outras. É uma ferramenta útil dentro da medicina psicossomática.

“Hipnose é um estado de relaxamento entre a vigília e o sono, em que podemos acessar memórias traumáticas esquecidas. Por meio da autoscopia, a memória celular é acessada”, comenta o especialista.

Essa técnica pode ser realizada em casa. “É possível ativar nosso sistema imune por meio de sessões da autohipnose feitas em casa para diminuir o tempo de uma gripe, por exemplo. O relaxamento progressivo que acontece antes da hipnose por si só já tem o efeito de aumentar a imunidade, além de melhorar o sono, diminuir o cansaço, e o estresse. Ensinamos essa técnica a todos nossos pacientes e, assim, muitos remédios são evitados”, analisa Jorge. 

Segundo ele, em caso de fobias a hipnose “é sensacional” porque leva a pessoa a entrar em contato com a causa. “Em hipnose podemos acessar memórias de qualquer fase de nossa vida, de dentro do útero ou antes da concepção, quando temos contato com traumas familiares. É o que propõe também Bert Helinger pelo do processo conhecido como ‘constelações familiares’. São caminhos diferentes que levam ao mesmo fim”.

Pela cartografia da Jean Yves Leloup esses traumas familiares são chamados de traumas do inconsciente familiar. “Mas temos também os traumas que estão no inconsciente coletivo, que pertencem à humanidade. Em hipnose podemos acessar qualquer trauma, em qualquer nível, o importante é saber o que fazer com ele”, alerta o médico.

Em psicossomática pode-se ter uma doença física que foi gerada por um trauma emocional.

“Podemos ter uma dispareunia, que é a dor durante a relação sexual, devido a um trauma vivido na primeira relação, se o parceiro não foi carinhoso e sensível. Para uma úlcera, não adianta apenas tomar omeprazol se não houver uma mudança de hábitos, porque senão ela volta após o tratamento. E assim poderíamos falar de mil doenças em que temos o componente mental interferindo no físico. Então só tratar do físico não vai ser eficaz”, diz Jorge.

Mas há ainda o componente espiritual. “Somos uma trindade: mente, corpo e alma. Às vezes temos uma doença que vai além do físico e da mente, é uma dor, uma angústia, uma tristeza, uma depressão que pode ir até a alma. Nesses casos temos também que abordar a relação com a espiritualidade, a sua relação com a sua fonte interior da vida”, finaliza Jorge.

AGENDA: O curso de autoscopia – o uso da hipnose na psicologia transpessoal acontece nos dias 22 e 23 próximos, no Instituto Renascer da Consciência, em Ravena. Tel: (31) 3296-3864.

Homem. Somos formados por mente, corpo e alma, uma trindade que adoece, sofre e carece de atenção e tratamento. Para se ter saúde, esses três elementos precisam estar bem equilibrados.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave