Confiantes, Hamilton e Rosberg se preparam para final da F1

A última etapa desta temporada será no próximo domingo, em Abu Dhabi, no circuito de Yas Marina

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Lewis Hamilton não teve dificuldades em conquistou o topo do pódio na Malásia
DIVULGAÇÃO/MERCEDES
Lewis Hamilton não teve dificuldades em conquistou o topo do pódio na Malásia

Será no deserto de Abu Dhabi, no circuito de Yas Marina que a Fórmula 1 irá conhecer o campeão da temporada 2014. E na disputa pelo campeonato, os dois pilotos da Mercedes, Lewis Hamilton e Nico Rosberg irão lutar até a bandeirada final pela decisão do título. Para a prova dos Emirados Árabes, Lewis chega com uma pequena vantagem, já que lidera a competição com 334 pontos, 17 a frente de Rosberg, segundo lugar com 317 pontos.

E os dois corredores da Mercedes se preparam para a disputa emocionante do próximo fim de semana, com a simples motivação: vencer a prova de Abu Dhabi significa estar mais perto do título. E no caso de Hamilton, significaria ser campeão, uma vez que a prova valerá pontos dobrados. Dessa maneira, se ficar em primeiro ou até em segundo lugar, o britânico chegará num total de 384 ou 370 pontos, respectivamente, impossíveis de serem alcançados por Nico. Após ficar em segundo no GP do Brasil, o inglês da Mercedes afirma que a “fome de vencer” permanece a mesma, e seu retrospecto em Abu Dhabi é favorável.

"As pessoas falam sobre o tempo que passou desde que eu ganhei o título (2008) - mas eu sinceramente sinto que estou lutando pelo meu primeiro título mundial mais uma vez. Claro, eu sou mais velho e talvez um pouco mais sábio do que eu era naquela época. Eu aprendi muito nos anos desde 2008 - mas eu ainda sou o mesmo piloto. Eu ainda tenho a mesma fome, a mesma vontade de vencer, e eu estive dando tudo o que tinha desde o início desta temporada. Eu tive altos e baixos ao longo do caminho - mas eu nunca desisti uma vez sequer. Eu consegui traçar o meu caminho de volta e meu objetivo não muda para esta corrida. Eu tenho um bom histórico no circuito de Abu Dhabi e estou me sentindo relaxado, confiante e estou pronto para vencer”, afirmou o britânico.

No circuito de Yas Marina, Lewis já garantiu um pódio em 2010, quando ficou em segundo lugar na corrida dos Emirados Árabes. Por outro lado, o retrospecto de Rosberg em Abu Dhabi também é bom, o que pode criar dificuldades para o piloto inglês. O alemão da Mercedes conseguiu um terceiro lugar no ano passado, mas para a temporada atual, apenas a vitória poderá garantir o título. Se vencer, Rosberg somará 367 pontos, que não poderão ser atingidos por Hamilton, caso o britânico chegue em terceiro ou em posições inferiores.

E após conquistar a vitória no último Grande Prêmio (Brasil), Nico afirma que voltou a ter confiança de que em Abu Dhabi poderá se consagrar campeão pela primeira vez da F1.

"Depois da decepção de Austin, o Brasil era apenas a maneira de voltar ao topo e foi um grande fim de semana para mim e para a equipe. Eu me senti no controle desde o início e foi muito positivo. Consegui tirar as lições do Texas e colocá-los em ação. Isso (a corrida) não foi suficiente para recuperar a liderança no campeonato, já que Lewis fez uma corrida forte para terminar logo atrás de mim. Mas a diferença é menor do que antes e eu absolutamente acredito que ainda tenho a chance de levar o título em Abu Dhabi”, concluiu o alemão.