Após clássico, Ceni diz que título do Brasileiro está difícil

Goleiro do São Paulo também afirma que o seu objetivo é encerrar a carreira com pelo menos um título conquistado em 2014

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Juvenal afirmou que, por ele, Rogério Ceni continua no clube
VIPCOMM/DIVULGAÇÃO
Juvenal afirmou que, por ele, Rogério Ceni continua no clube

Após a vitória sobre o Palmeiras por 2 a 0, o goleiro Rogério Ceni admitiu que a situação do São Paulo na briga pelo título do Campeonato Brasileiro ainda é muito difícil.

Com o triunfo sobre o rival, o time do Morumbi chegou a 66 pontos, contra 70 do Cruzeiro, que possui um jogo a menos. Faltando quatro rodadas para o término do campeonato, o time mineiro precisa de mais duas vitórias para assegurar o caneco.

"O Cruzeiro não está facilitando para a gente. O meu objetivo é finalizar o ano com título", disse Ceni em entrevista ao canal Premiere FC.

Ao ser questionado se pode disputar mais uma temporada pelo São Paulo, inclusive motivado pela campanha da torcida -"Fica Rogério"-, o goleiro novamente não foi claro sobre o adeus.

"Ainda bem que as pessoas gritam 'fica Rogério'. Se gritassem 'sai' seria pior. Fico contente por estar encerrando um ciclo neste ano, focado em títulos", disse o goleiro.

Apesar de não ter confirmado para a imprensa, a diretoria do São Paulo já trabalha para dar uma despedida a Rogério Ceni. O jogo que deve marcar o adeus foi marcado para 22 de fevereiro de 2015. O adversário ainda não está confirmado. O clube quer reunir veteranos de Milan ou Liverpool, clubes que o São Paulo derrotou nas finais dos Mundiais de 1993 e 2005, respectivamente.

O São Paulo volta a campo na quarta-feira (20), quando enfrenta o Nacional de Medellín, pela primeira partida da semifinal da Copa Sul-Americana.