Minas conquista o tri inédito do GP Interclubes de judô feminino

Equipe mineira contou com a força de suas atletas para vencer o Instituto Reação e levar o título

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Minas Tênis Clube comemorou mais um título no GP Interclubes
Divulgação/CBJ
Minas Tênis Clube comemorou mais um título no GP Interclubes

O Minas Tênis Clube confirmou o seu favoritismo na final do Grand Prix Interclubes de judô feminino contra o Instituto Reação-RJ e conquistou o tricampeonato inédito, tornando-se o maior vencedor do torneio, deixando Sogipa-RS e São Caetano com dois títulos cada. A decisão foi disputada em São José dos Campos, em São Paulo.

A chegada à final da competição veio graças ao poderio do time mineiro, que conta com quatro das cinco judocas da seleção brasileira, além da cubana campeã olímpica e bi mundial Idalys Ortiz.

No lado do Reação, a esperança ficou na rapidez das mãos e pés da campeã mundial Rafaela Silva, que foi a única de sua equipe a conseguir uma vitória nesta final. O Minas logo abriu dois pontos de vantagem com triunfos apertados de Érica Miranda contra Raquel Silva e Ketleyn Quadros diante de Giullia Penalber.

O título foi sacramentado por Bárbara Timo em vitória contra Anne Lisewski. Ortiz entrou no tatame para aumentar a festa mineira. A vitória veio, mas aconteceu após uma entrada da cubana que acabou resultando na queda de Tuany Siqueira, que quebrou a perna, tendo de sair de maca. Sequência dos resultados: Minas 4 x 1 Instituto Reação-RJ Érika Miranda venceu Raquel Silva (1x0) Ketleyn Quadros venceu Giullia Penalber (2x0) Mariana Silva perdeu para Rafaela Silva (2x1) Bárbara Timo venceu Anne Lisewski (3x1) Idalys Ortiz venceu Tuany Siqueira (4x1)

Leia tudo sobre: judominas tenis clubesinstituto reacaofinalgrand prixinterclubesfeminino