Avacoelhada

iG Minas Gerais |

Na segunda partida da final do sub-17, América e Atlético se enfrentam, às 10h, no CT de Santa Luzia. O Coelhãozinho venceu o primeiro jogo por 2 a 1. Destaque para o gol marcado por Richarlison. Makton, Victor Emiliano e Matheuzinho são alguns dos atletas promovidos do sub-15. Apesar do baixo orçamento e da necessidade de melhoria da estrutura de Santa Luzia, as categorias de base realizam o eficiente trabalho de formar e revelar jogadores para a equipe principal. O promissor Zé Ricardo, de 18 anos, subiu para o sub-20 e já participou da Copinha de 2014. O maior problema ainda está no processo de transição profissional. Embora o América seja um clube essencialmente formador, nos três últimos anos, os responsáveis pelas decisões erraram no aproveitamento dos campeões brasileiros sub-20 e gastaram, excessivamente, com 82 contratações.

A voz da Massa

Saudações alvinegras! Normalmente eu não gosto de apontar um jogador como sendo o melhor do time numa partida. No máximo destaco aqueles que se sobressaem. Isso porque eu penso que o futebol é um esporte de equipe e, para uma peça se destacar, ela depende das demais. Mas hoje eu vou fugir à regra, porque, vamos combinar, o tal do Jemerson jogou uma barbaridade e acabou com o ataque do time azulzinho no clássico passado. A nossa defesa jogou muito, aliás, todo o time estava impecável, mas dava a impressão de que, se tivesse só o Jemerson na defesa e ninguém mais, ainda assim nem vento passava por ele. No chão, pelo alto ou no mano a mano, só dava ele, sem perder uma jogada sequer. Isso me deixa contente, pois o moleque veio da base e tem identificação com o clube. Parabéns, Jemerson. Contamos com você para ser nosso paredão no jogo da volta.

 

A voz Celeste

Saudações celestes, nação azul. Como é bom ver o mundo dando voltas, as coisas recebendo seu devido valor, depois de anos sendo desdenhadas. Copa do Brasil e Recopa Sul-Americana eram chamados de torneios secundários, diziam que foram criados para inchar calendário. O que valia era Campeonato Brasileiro, Libertadores não, e Recopa era torneio de dois jogos. A Copa do Brasil nem era considerada título de grande expressão por alguns aí. Mas agora, do nada, está valendo mais que passagem para Marrocos. Vamos falar do que realmente importa? Vamos a São Paulo buscar três pontos do Santos, queremos papar o tetra do Brasileirão, e o penta da Copa do Brasil será a sobremesa! AINDA NÃO ACABOU! Amanhã tem a festa dos Metalzeiros no Stonehenge. Eu estarei lá torcendo para o nosso Cruzeiro contra o Santos e levando um som com os Vigaristas! 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave