Saúde suspende incentivos à prefeitura de Barbacena

Outro município afetado pela decisão do ministério foi São Gonçalo, no Rio de Janeiro; portaria foi publicada no Diário Oficial da União nesta sexta (14)

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Portaria do Ministério da Saúde publicada nesta sexta-feira (14), no Diário Oficial da União, suspende a transferência de incentivos financeiros referentes ao número de equipes de atenção domiciliar - Programa Melhor em Casa - nos municípios Barbacena (MG) e São Gonçalo (RJ).

De acordo com o texto, a medida foi tomada devido à ausência de alimentação de dados, por parte de ambas as prefeituras, no Sistema de Registro das Ações Ambulatoriais de Saúde por período superior a 60 dias. A portaria entra em vigor nesta sexta, com efeitos financeiros a partir da competência julho deste ano.

A Agência Brasil entrou em contato por e-mail e telefone com as prefeituras de Barbacena e São Gonçalo para saber os motivos da ausência de envio de dados. Até o momento da publicação da matéria, a reportagem não obteve retorno das prefeituras.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave